Santa Cruz

Mente sã, corpo são e os cuidados para o Santa não deixar ritmo cair

Apesar de resultado negativo, Tricolor vive momento confortável na Série C, mas precisa fazer bom uso do tempo de preparação visando a continuidade do trabalho construído até aqui

Pipico, principal nome do ataque tricolorPipico, principal nome do ataque tricolor - Foto: Rafael Melo/SCFC

Seria difícil encontrar no futebol um ponto de ligação entre o real significado da adversa frase "Mente sã, Corpo são", do poeta satírico romano Décimo Juvenal, com a situação de cada time nos gramados se à história também não coubesse permitir a reinvenção das palavras e do tempo. No caso do Santa Cruz, o momento é de tranquilidade, apesar do resultado negativo diante do Manaus na última rodada. Mas, faltando apenas duas partidas para a fase decisiva, manter o equilíbrio entre corpo e mente está entre os cuidados que precisam ser tomados pelo elenco para não deixar o ritmo cair nessa altura do campeonato.

Passar a borracha no excesso de erros cometidos, buscando ajustar taticamente a equipe passa a ser o primeiro passo de um processo que vai demandar do coletivo readaptação num período de tempo curto, principalmente dos atletas que se recuperaram recentemente da Covid-19. Para o grupo enquadrado nesse parâmetro, recuperar a parte física e o bom desempenho técnico serão pontos essenciais também para manter o bem-estar psicológico individual e coletivo nas quatro linhas. Além disso, o aspecto confiança, um dos braços fortes do time, precisa ser mantido para iniciar nova sequência de bons resultados. 

Dos 20 clubes que disputam a Série C, somente o Tricolor já está garantido na próxima fase, o que, por outro lado, capina mais tempo para que a preparação do grupo seja intensificada visando o fortalecimento da campanha de melhor equipe da Terceirona e, no quadrangular, a busca pelo acesso. Sem grande aparição no último duelo, o artilheiro Pipico, de forma cautelosa, sinalizou que Martelotte vem observando os possíveis adversários da Cobra Coral na próxima fase, mas pregou foco na continuidade da campanha coral. 

“A gente tem que ir olhando, estudando algumas possibilidades, mas acho que isso aí o professor vem fazendo bem. Temos que agora dar sequência no trabalho”.

Veja também

Jair Ventura ressalta 'melhor segundo tempo' do Sport em 'final de Copa do Mundo'
Sport

Jair Ventura ressalta 'melhor segundo tempo' do Sport em 'final de Copa do Mundo'

Hélio agradece jogadores e afirma não ter deixado de acreditar na permanência
Náutico

Hélio agradece jogadores e afirma não ter deixado de acreditar na permanência