Mercedes lidera treinos, que têm Massa surpresa e Alonso 'fanfarrão'

O treino de classificação será realizado às 14h deste sábado (12) e a corrida será no domingo (13), no mesmo horário

Ex-presidente Luiz Inacio Lula da Silva Ex-presidente Luiz Inacio Lula da Silva  - Foto: JEFFERSON COPPOLA/VEJA/AFP

Tricampeão da categoria, o inglês Lewis Hamilton quis dar um recado ao companheiro de equipe Nico Rosberg nesta sexta-feira (11) e fez os melhores tempos das duas sessões de treinos livres no GP Brasil, em Interlagos. Hamilton, que tem 19 pontos a menos em relação ao alemão na classificação do campeonato (330 contra 349), foi o mais rápido pela manhã (1min11s895). Na mesma tomada, Rosberg ficou apenas em terceiro, atrás do holandês Max Verstappen, da Red Bull.

À tarde, o líder do campeonato reagiu, mas não o suficiente para superar Hamilton. O inglês cravou 1min12s271 em sua melhor volta, contra 1min12s301 do rival.
Os dois são favoritos para ocupar a primeira fila no grid de largada do GP Brasil, que ocorre neste domingo (13), às 14h. O treino de classificação será realizado às 14h deste sábado (12).

Felipe Massa foi apenas o oitavo melhor na manhã, mas de tarde terminou em quarto, com 1min12s789. Felipe Nasr foi 16º e 17º, respectivamente. "Estou torcendo por um bom resultado domingo, para que a gente consiga fazer um bom fim de semana. Se for na chuva ou no seco, o que interessa é tentar fazer uma boa corrida. Não interessa previsão e sim que tudo aconteça da maneira certa", afirmou Massa, que disputará seu último GP Brasil.

Apesar do desempenho ruim da Williams ao longo da temporada, ele disse "acreditar" na possibilidade de ir ao pódio. "A gente sabe que não é fácil. É um resultado difícil pelo carro que a gente tem hoje, mas temos de acreditar. Tudo é possível e às vezes as coisas acontecem. Estou acreditando durante esse final de semana", complementou.

Os dois treinos foram marcados por rodadas e escapadas. O tetracampeão Sebastian Vettel, da Ferrari, e Marcus Ericsson, da Sauber, rodaram. O francês Romain Grosjean, da Haas, reclamou muito com sua equipe sobre a condição do carro. Neste ano, a organização da prova trabalhou para aumentar a aderência da pista, depois de muitas reclamações de pilotos no ano anterior.

ESPANHOL FANFARRÃO
O bicampeão Fernando Alonso parou seu carro por ordem da McLaren após problema mecânico. O espanhol aproveitou para continuar na pista e brincar, fazendo embaixadinhas com uma pedra e operando uma câmera de transmissão de imagem. Ele havia feito algo semelhante no treino da sexta-feira em 2015. Por boa parte da atividade ele ficou parado em uma cadeira de praia. Depois, subiu ao pódio com o companheiro de equipe, Jenson Button.

Veja também

Bottas vence primeiro GP de F1 da temporada na Áustria
Fórmula 1

Bottas vence primeiro GP de F1 da temporada na Áustria

Real Madrid bate Athletic Bilbao e dá mais um passo rumo ao título espanhol
Futebol Internacional

Real Madrid bate Athletic Bilbao e dá mais um passo rumo ao título espanhol