Tênis

Mesmo com desistência, Bia Haddad embolsa R$ 1,2 milhão em Wimbledon

Sob lágrimas e com dores nas costas, Bia se despediu do Grand Slam de Londres nas oitavas de final

Bia HaddadBia Haddad - Foto: Reprodução/Twitter

A brasileira Bia Haddad, número 13 do mundo, sofreu com dores na lombar e teve de abandonar o jogo contra a cazaque Elena Rybakina, depois de apenas cinco games, na quadra central de Wimbledon. A partida era válida pelas oitavas de final da competição. A brasileira recebeu atendimento médico, tentou seguir, mas não conseguiu continuar. Por ter alcançado esta fase, ela recebeu 207 mil libras de premiação (cerca de R$ 1,2 milhão).

Semifinalista de Roland Garros, Bia fez sua melhor campanha em Wimbledon, vencendo três jogos. Ela ainda voltaria à grama de Londres nesta segunda-feira para jogar a segunda rodada da chave de duplas femininas.

Atual campeã de Wimbledon, Elena Rybakina segue no torneio. A cazaque havia perdido os dois confrontos com Bia neste ano.

Lesão em Notthingham

Após ser semifinalista de Roland Garros, Bia sofreu uma lesão no torneio de Notthingham, na Inglaterra. Na derrota para a ucraniana Daria Snigur, ela foi diagnosticada com um edema no joelho. Por causa disso, ela desistiu de o WTA de Birmingham. Na competição seguinte, no WTA 500 de Eastbourne, ela abandonou a partida contra a croata Petra Martic quando perdia por 6/4 e 3/2 a fim de se preservar para Wimbledon.

Veja também

Pressionado, Bronny James faz 1ª cesta de três após 16 tentativas pelos Lakers; veja o lance
Basquete

Pressionado, Bronny James faz 1ª cesta de três após 16 tentativas pelos Lakers; veja o lance

História dos Jogos: confira quem são os pernambucanos medalhistas olímpicos
Futebol

História dos Jogos: confira quem são os pernambucanos medalhistas olímpicos

Newsletter