Messi teria negado renovação de contrato com o Barça

Segundo o jornal Marca, da Espanha, jogador estaria estudando uma "mudança de ares" em 2018

Eleitores fazem protesto na Avenida SulEleitores fazem protesto na Avenida Sul - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Desde que começou a jogar, o argentino Lionel Messi quase sempre teve sua imagem ligada ao Barcelona. Exceto quando atua na seleção, a história dele e a do clube catalão se misturam. Mas segundo o jornal espanhol Marca, este vínculo pode ter fim no ano de 2018.

Segundo o diário, o atacante teria recusado uma renovação de contrato no meio do ano, mais precisamente em julho, quando ele estava de férias. O contrato do camisa dez acaba no dia 30 de junho de 2018 apenas, mas a equipe catalã queria garantir a estadia do craque por mais tempo. Um dos motivos apontados pelo Marca para a não-renovação de Messi seria as várias polêmicas com a Receita Federal Espanhola, quando ele foi condenado por sonegação de imposto.

O jogador argentino, após ser procurado pelo Barça, teria pedido a opinião a seu pai antes de dar um "não". De acordo com o presidente Josep María Bartomeu, não há razão para desespero, já que Messi possui uma cláusula de recisão de 250 milhões de euros, conseguida no sétimo e último acerto do atacante com o clube catalão.

Porém, até 2018 muitas reuniões deverão acontecer. Mesmo com a rejeição de Messi neste primeiro momento, o pai do jogador ainda irá se reunir com dirigentes do Barcelona para definir o futuro do atleta, que só deverá tomar alguma decisão mais perto do fim do contrato atual.

DESTINO

A verdade é que a fase de Messi não é boa. Com sucessivos fracassos na seleção argentina e ultimamente no Barcelona, uma "mudança de ares" poderá ser uma saída tomada pelo atleta. Um dos principais interessados nisso é o treinador Pep Guardiola, atualmente no Manchester City. O clube inglês já teve seu nome ventilado e vinculado ao camisa dez do Barcelona pela imprensa internacional, mas nada de concreto foi feito.

Veja também

Vítima de racismo, jogador brasileiro deixa de ir ao mercado na Geórgia
Futebol

Vítima de racismo, brasileiro deixa de ir ao mercado na Geórgia

Jorge aprova cinco substituições em retorno ao futebol
Futebol

Jorge aprova cinco substituições em retorno ao futebol