A-A+

México negocia para se manter no calendário em 2020

O Grande Prêmio tinha voltado ao calendário da categoria em 2015, mas o contrato foi fechado até este ano

Lewis Hamilton conquistou o título de 2018 no GP do MéxicoLewis Hamilton conquistou o título de 2018 no GP do México - Foto: Clive Manson/Getty Images North America/AFP

A confirmação da Holanda como sede de um Grande Prêmio de Fórmula 1 a partir de 2020 colocou em alerta as etapas presentes no calendário de 2019 que ainda não têm contrato para a próxima temporada. E o México está na luta para manter sua corrida.

O GP do México é uma das quatro provas que têm contrato apenas até 2019. Além do país, as corridas de Alemanha, Espanha e Inglaterra também têm presença incerta na temporada do ano que vem.

Por isso, o comitê organizador do GP do México informou que negocia com o grupo Liberty Media, detentor dos direitos comerciais da F-1, a renovação de seu contrato. A organização também conversa com autoridades mexicanas em busca de apoio.

"Continuam as negociações com a Fórmula 1 e com as autoridades de nosso país, buscando alternativas viáveis para a permanência desta competição no México. Quando surgirem notícias a respeito da negociação com as autoridades, oportuna e unicamente através de canais e vozes oficiais, estaremos tornando-as de conhecimento público", diz a organização

Leia também:
Fórmula 1 retorna à Holanda após 35 anos
Lewis Hamilton vence o Grande Prêmio da China de Fórmula 1


Ainda segundo o diário mexicano, o investimento feito para o retorno da F-1 ao país foi de US$ 363 milhões (mais de R$ 1,4 bilhão em valores atuais). Do total, o Conselho de Promoção Turística do México (CPTM), órgão do governo local, investiu US$ 213 milhões (mais de R$ 846 milhões).

O GP do México voltou ao calendário da F-1 em 2015 com um contrato para cinco provas, até 2019. Antes disso, o país recebeu a categoria em dois períodos: entre 1963 e 1970 e entre 1986 e 1992.

Veja também

Lewis Hamilton conquista na Rússia sua vitória de número 100 na F1
Fórmula 1

Lewis Hamilton conquista na Rússia sua vitória de número 100 na F1

Roberto Fernandes pretende dar mais espaço para os atletas da base do Santa Cruz
Santa Cruz

Roberto Fernandes pretende dar mais espaço para os atletas da base do Santa Cruz