Milton Cruz atribui revés à falta de ritmo, mas promete coisas boas

Em sua estreia no comando do Sport, o treinador viu o time perder de virada para o Flamengo de Arcoverde por 3x2, na Ilha do Retiro, pela primeira rodada do Pernambucano

Técnico Milton Cruz na Ilha do RetiroTécnico Milton Cruz na Ilha do Retiro - Foto: Kleyvson Santos/Folha de Pernambuco

Após a derrota de virada para o Flamengo de Arcoverde por 3x2, na tarde deste sábado (19), na Ilha do Retiro, pela rodada de abertura do Campeonato Pernambucano, o técnico do Sport, Milton Cruz, atribuiu o revés na estreia oficial da temporada 2019 ao pouco tempo de pré-temporada. Para ele, a falta de ritmo de jogo e de entrosamento pesou contra os rubro-negros em sua primeira partida à frente do comando.

“A preparação curta fez a gente sentir (dificuldades). Ainda estamos em preparação. Teve jogador que entrou hoje por situação de emergência. Não estávamos prevendo isso, mas ninguém quer perder no começo do trabalho. Vamos em frente porque vem muita coisa boa por aí. Espero que o time consiga recuperar os pontos perdidos na próxima rodada”, declarou.

Leia também: 

Sport sofre virada e perde para o Flamengo/PE na estreia em 2019  

Após falha, Magrão lamenta derrota na estreia do PE: ‘Ruim’ 

Na entrevista coletiva, o comandante rubro-negro também lamentou os erros pontuais da defesa. “Isso aconteceu pela falta de ritmo de jogo, entrosamento e comunicação. Sofremos gols acidentais e podemos corrigir. Não posso jogar culpa de forma individual, todos erraram. Não tem como crucificar ninguém aqui. Agora tenho que dar tranquilidade aos jogadores”, disse Milton Cruz.

Na próxima rodada, o Sport enfrenta o Vitória das Tabocas, na quarta-feira (23), na Arena de Pernambuco, às 20h30.

Veja também

Hélio elogia força do lado direito em vitória
Futebol

Hélio elogia força do lado direito em vitória

Náutico goleia Oeste por 4x1, nos Aflitos, e se distancia do Z4
Futebol

Náutico goleia Oeste por 4x1, nos Aflitos, e se distancia do Z4