Natação

Mundial de Natação previsto para maio no Japão adiado para julho de 2023 por pandemia

FINA anunciou que o Mundial seguinte, previsto para Doha, "acontecerá em fevereiro de 2024

Guilherme Guido, nadador brasileiroGuilherme Guido, nadador brasileiro - Foto: COB/Divulgação

O Mundial de Natação previsto para Fukuoka (Japão) em maio foi adido novamente e será disputado em julho de 2023, devido à pandemia e às restrições em vigor, anunciou a Federação Internacional de Natação (FINA) nesta terça-feira.

Inicialmente, o Mundial estava previsto para 2021 e foi adiado depois que os Jogos Olímpicos de Tóquio também foram adiados de 2020 para 2021. 

"Com a situação pandêmica e as restrições atualmente em vigor no Japão, a FINA e os principais nomes do comitê organizador de Fukuoka 2022 concordaram em reprogramar o 19º Mundial para 14 a 30 de julho de 2023", afirmou o presidente da FINA, Husain Al-Musallam, em um comunicado.

A FINA anunciou que o Mundial seguinte, previsto para Doha, "acontecerá em fevereiro de 2024", seis meses antes dos Jogos Olímpicos de Paris.

"Esta decisão foi tomada pelo bem de todos", completou a FINA. 

Veja também

"Acreditaram em mim": Como a vítima reagiu à condenação de Daniel Alves por estupro
CASO DANIEL ALVES

"Acreditaram em mim": Como a vítima reagiu à condenação de Daniel Alves por estupro

Daniel Alves preso, Robinho solto: entenda por que ex-jogadores vivem situações jurídicas distintas
ex-jogadores

Daniel Alves preso, Robinho solto: entenda por que ex-jogadores vivem situações jurídicas distintas