Muslera perdeu dois familiares dias antes de entrar em campo

Principal vilão da derrota do Uruguai para França, Muslera havia perdido a avó e o tio dias antes das quartas de final

Muslera falhou feio no segundo gol da França Muslera falhou feio no segundo gol da França  - Foto: KIRILL KUDRYAVTSEV / AFP

A falha do goleiro Fernando Muslera contra a França no gol de Griezmann nesta sexta-feira (6) praticamente sentenciou a eliminação uruguaia na Copa do Mundo. O camisa 1, porém, atravessa nos últimos dias um momento delicado fora dos gramados.

Corria um rumor no Uruguai, antes do jogo com os franceses, de que Muslera havia perdido um tio no último sábado (30) e a avó materna na segunda-feira seguinte (2). A informação foi confirmada por um familiar do goleiro ao diário El País.

A família não quis tornar o caso público e a titularidade do goleiro foi discutida entre ele e a comissão técnica.
Leia também:
Vilão uruguaio, Muslera acumula falhas parecidas na seleção
'Ele fez o que pôde', ameniza Godín após goleiro falhar

Muslera, 32, disputou as últimas três Copas do Mundo como titular da seleção uruguaia. A Celeste deixou a Rússia após perder por 2 a 0 para os franceses.

Veja também

Brasil perde para EUA na semifinal da Copa América de Basquete
BASQUETE

Brasil perde para EUA na semifinal da Copa América de Basquete

Novo estatuto do Santa Cruz entra em vigor
Futebol

Novo estatuto do Santa Cruz entra em vigor