Tênis

Nadal sofre, mas supera Goffin e vai às quartas do Masters 1000 de Madrid

Andrey Rublev e Novak Djokovic também avançaram na competição

Número quatro do mundo, Rafael Nadal avança para as quartas de final do Masters 1000 de MadridNúmero quatro do mundo, Rafael Nadal avança para as quartas de final do Masters 1000 de Madrid - Foto: OSCAR DEL POZO / AFP

O espanhol Rafael Nadal sofreu para derrotar o belga David Goffin nesta quinta-feira pelas oitavas de final do Masters 1000 de Madrid por 2 sets a 1, parciais de 6-3, 5-7 e 7-6 (11/9).

Nadal, número quatro do mundo, teve que ir ao tie-break do terceiro set para fechar o jogo em três horas e nove minutos.

O espanhol espera para enfrentar nas quartas de final o vencedor do confronto entre seu compatriota Carlos Alcaraz e o britânico Cameron Norrie.

O russo Andrey Rublev também avançou às quartas ao derrotar hoje o britânico Daniel Evans por 2 sets a 0, parciais de 7-6 (9/7), 7-5.

Rublev, número oito do mundo, fechou o jogo em duas horas e 28 minutos. A partida foi disputada na quadra central do complexo Caja Mágica de Madrid, devido à suspensão do duelo entre Novak Djokovic e Andy Murray, que desistiu da competição por estar doente.

Com isso, Djokovic vai direto para as quartas, nas quais enfrentará o polonês Hubert Hurkacz, que hoje venceu o sérvio Dusan Lajovic.

Já o adversário de Rublev será o grego Stephanos Tsitsipas, quarto cabeça de chave, que passou pelo búlgaro Grigor Dimitrov.

O alemão Alexander Zverev, segundo cabeça de chave, também se garantiu nas quartas de final, ao bater o italiano Lorenzo Musetti, que abandonou a partida devido a um problema muscular na coxa esquerda.

Zverev enfrentará o canadense Felix Auger-Aliassime, que derrotou o italiano Jannik Sinner.

Veja também

Com dores na coxa, Paulo Sérgio passará por exames no Náutico
Futebol

Com dores na coxa, Paulo Sérgio passará por exames no Náutico

Olimpíadas de Paris: LeBron James será o porta-bandeira dos EUA na abertura dos jogos
Olimpíadas de Paris

Olimpíadas de Paris: LeBron James será o porta-bandeira dos EUA na abertura dos jogos

Newsletter