Tênis

Nadal vence Moutet e vai à terceira fase de Roland Garros

Espanhol levou duas horas e nove minutos para alcançar sua 300ª vitória em um Grand Slam

Rafael Nadal, tenista espanholRafael Nadal, tenista espanhol - Foto: Anne-Christine POUJOULAT / AFP

Lembrando em alguns momentos o melhor Rafael Nadal e sem problemas físicos aparentes, o 13 vezes campeão de Roland Garros se classificou para a terceira fase ao vencer o francês Corentin Moutet por 3 sets a 0 (6-3, 6-1 e 6-4) nesta quarta-feira em Paris.

Nadal levou duas horas e nove minutos para alcançar sua 300ª vitória em um Grand Slam e enfrentar seu próximo adversário, o holandês Botic van de Zandschulp (N.29). 

"Estou na terceira fase sem perder um set, é um começo positivo para o torneio, embora ainda haja coisas a melhorar para chegar ao nível que preciso para continuar na competição", explicou Nadal na zona mista. 

Questionado sobre o que melhorou em relação à sua estreia contra o australiano Jordan Thompson, Nadal garantiu que "o 'drive' tem sido melhor, embora às vezes me falte continuidade".

Muito sólido com seus golpes e rápido nas pernas, dando a sensação de não sentir dor no pé esquerdo machucado, Nadal aproveitou o 'break' que conseguiu diante do adversário na primeira vez que sacou para vencer o primeiro set por 6 a 3. 

Eficaz no saque e com um jogo letal (conquistou 18 dos 32 pontos com o saque do adversário no segundo set), Nadal ampliou a vantagem com um fácil 6 a 1 na segunda parcial. 

Só então o espanhol tirou um pouco o pé do acelerador, e Moutet aproveitou para quebrar o saque de Nadal no início do terceiro set pela primeira vez.

O tenista espanhol recuperou rapidamente o seu melhor nível e com 5-3 serviu para vencer o jogo, mas o parisiense de 23 anos não ia desperdiçar a oportunidade de continuar a jogar contra o seu ídolo (na entrevista antes do jogo admitiu que quando era criança dormia com uma das famosas camisetas sem manga que o espanhol usava no início de sua carreira) e voltou a quebrar o saque do veterano. 

Nadal, no entanto, achou o suficiente e encerrou a partida no game seguinte. 

O espanhol, que jogou na sessão da noite, admitiu que "nunca gostei, principalmente no saibro, mas é compreensível que a organização queira aproveitar ao máximo as oportunidades, principalmente depois do investimento que fizeram e feliz por ver as arquibancadas cheias novamente e voltando a desfrutar".

Veja também

Inglaterra vence Áustria por 1x0 na abertura da Eurocopa feminina
Eurocopa Feminina

Inglaterra vence Áustria por 1x0 na abertura da Eurocopa feminina

Em noite de 7x1, Flamengo avança na Libertadores
Futebol

Em noite de 7x1, Flamengo avança na Libertadores