Futebol

Náutico acerta rescisão contratual de Luanderson

Volante disputou 14 jogos pelo Timbu, marcando um gol, na vitória alvirrubra por 3x2 diante do CRB, pela Copa do Nordeste

Luanderson, volante do NáuticoLuanderson, volante do Náutico - Foto: Caio Falcão/CNC/Divulgação

O gerente de futebol do Náutico, Ítalo Rodrigues, informou nesta segunda (3) que o volante Luanderson, de 31 anos, não permanecerá no clube até o restante da temporada. O atleta, de acordo com o dirigente, recebeu proposta de outra equipe, e o Timbu optou pela rescisão contratual.

“Queremos comunicar que o clube, em comum acordo com o atleta Luanderson, chegou à decisão. Ressaltamos o profissionalismo dele no dia a dia. Ele sai pela porta da frente, com todo nosso respeito e agradecimento. Constantemente, nós fazemos avaliações e entendemos que, tendo uma proposta de outro clube, o melhor era ele seguir a vida. Desejamos muito sucesso”, afirmou.

Contratado no final do ano passado pelo Náutico, Luanderson disputou 14 partidas pelo clube, marcando um gol, na vitória alvirrubra por 3x2 diante do CRB, no Rei Pelé, pela Copa do Nordeste. Ele começou a temporada disputando o posto de primeiro volante com Josa. Nos últimos jogos, por conta de atuações irregulares, o jogador perdeu a vaga no time titular para o prata da casa Rhaldney. Com a saída do atleta, a tendência é que o Timbu busque no mercado outro volante para reforçar o elenco na disputa da Série B 2020.

Natural de Belém de São Francisco, no Interior de Pernambuco, Luanderson não passou por clubes do estado antes de chegar ao Náutico. Saiu cedo para atuar no Vitória/BA. Além do Leão, o volante vestiu as camisas de equipes modestas de Minas Gerais, como Democratas e Funorte, além de Goianésia/GO, Aimoré/SP, Alcanenense/POR, São Paulo/RS, Glória/ES, Olímpia/SP, São Gabriel/RS, Almirante Barroso/SC, Marcília Dias e Avaí.

DM

O médico do clube, João Bosco, atualizou o quadro de três atletas que estão no departamento médico: o zagueiro Diego Silva, o volante Josa e o atacante Paiva. 

“Diego passou por uma artroscopia, fazendo uma limpeza cirúrgica no joelho direito. Ele deve retornar (aos treinos) em quatro semanas. Josa vem se recuperando bem de um quadro de lombalgia, fazendo um trabalho com a preparação física. Já Paiva está se recuperando de uma lesão no ligamento colateral medial do joelho direito e o prazo para voltar é de duas semanas”, apontou. 

 

Veja também

Um a cada 10 gols do Brasileiro tem o carimbo da 'Lei do Ex'
Campeonato Brasileiro

Um a cada 10 gols do Brasileiro tem o carimbo da 'Lei do Ex'

Remendado, líder Santa visita o Manaus em confronto inédito pela Série C
Santa Cruz

Remendado, líder Santa visita o Manaus em confronto inédito pela Série C