Náutico enfrenta o Vasco na Arena de Pernambuco

Timbu recebe o líder Vasco, neste sábado, precisando vencer para não desgrudar do G4 em duelo com ares de decisão

Mastruz com Leite toca no Forró das AntigasMastruz com Leite toca no Forró das Antigas - Foto: Divulgação

Em campeonato de pontos corridos, futebolistas costumam dizer que todo jogo é decisão. Mas, claro, alguns duelos ganham mais importância do que outros, com direito a ares de final.

Tudo conspirou para que assim fosse desenhado o confronto entre Náutico e Vasco, hoje, às 16h30, na Arena de Pernambuco. Além do bicho dobrado para o time de Givanildo Oliveira, a perspectiva é do maior público do Timbu na competição, que segue na corrida por um lugar no G4. Do outro lado, o líder e maior clube da Série B do Campeonato Brasileiro.

No entanto, a experiência do comandante alvirrubro mantém o clima de tranquilidade e confiança no elenco. Com seis acessos no currículo, Givanildo Oliveira já cansou de enfrentar este tipo de partida e tratou de passar aos jogadores, desde o início da semana, o que precisa para vencer o adversário mais poderoso da competição.

“Todos os jogos são finais. Claro, algumas partidas se tornam mais importantes. E essa, se a gente ganhar, que se Deus quiser vai acontecer, vamos avançar mais um pouco. É necessário que o torcedor nos apoie. Não podemos entrar precipitados e perder o equilíbrio. Não é só porque é contra o Vasco, isto seria contra qualquer time. Tem que ser constante e para os jogadores isso é de uma importância grande”, garantiu o técnico do Náutico.

O recado do treinador foi compreendido pelos atletas. O volante Rodrigo Souza destacou o bom ambiente antes do confronto decisivo. E desconsiderou a possibilidade de a ansiedade atrapalhar a preparação do grupo.

“Estamos bem tranquilos e o clima é bom. O professor Givanildo sempre fala para mantermos os pés no chão e ter calma. Será um jogo difícil. Então, precisamos manter o foco, ir bem concentrado para que nada dê errado aconteça. A semana foi muito boa e faremos de tudo para sair com o resultado positivo”, disse o volante.

Diante do Vasco, o Timbu não terá força máxima. O lateral-esquerdo Gastón, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, será substituído por Mateus Muller. Ainda no setor defensivo, Adalberto é dúvida após sofrer uma pancada na região lombar durante o treinamento recreativo de ontem. Caso não tenha condições de jogo, a dupla de zaga será formada por Rafael Pereira e Igor Rabello.

Vasco

Com o empate do Atlético/GO na última terça-feira, a equipe carioca entra em cam­po sem risco de perder a lide­rança. Contudo, não é si­nal de que jogarão com a guar­da bai­­xa. O time cruzmal­tino ten­­tará ampliar a vantagem sobre os concorrentes, apesar dos desfalques. O técnico Jorginho não contará com Yago Pikachu e Diguinho, suspensos, além de Júnior Dutra e Caio Monteiro, lesionados. Portanto, o lateral-direito Mad­­son, o volante Jú­lio dos San­­tos e o atacante Jor­ge Hen­­rique serão os substitutos.

Veja também

Grato, Maradona posta vídeo com mensagens de astros do esporte
60 anos

Grato, Maradona posta vídeo com mensagens de astros do esporte

Bahia faz gol contra e perde para o Melgar na ida da Copa Sul-Americana
Futebol

Bahia faz gol contra e perde para o Melgar na ida da Copa Sul-Americana