A-A+

Náutico oficializa retorno de Erick

Atacante prata da casa, vendido em 2017 ao Braga/POR, chega ao Timbu para reforçar o elenco em 2020

ÉrickÉrick - Foto: Anderson Stevens/Arquivo/Folha de Pernambuco

Um presente de Natal atrasado, mas antecipado de Ano Novo. Nesta sexta (27), o Náutico oficializou a contratação do atacante Erick, de 22 anos. O atleta, formado nas categorias de base do clube, estava no Gil Vicente/POR e chega como principal contratação do Timbu para a temporada 2020 após deixar o Alvirrubro em 2017, transferindo-se ao Braga/POR, por aproximadamente R$ 3 milhões. O contrato de empréstimo vai até o meio do ano que vem.

"Eu estava na partida de despedida de Kuki (em dezembro de 2018, contra o Newell’s Old Boys), que reuniu muitos atletas que tinham passado pelo Náutico. Mas agora a sensação é diferente, porque eu vou entrar em campo pelo time profissional. Não vejo a hora de ouvir a torcida do Náutico no Caldeirão", disse o atacante, ao site oficial do clube.

Na primeira passagem pelo Náutico, Erick disputou 39 jogos, marcando nove gols. Foi o destaque do clube no primeiro semestre de 2017, antes de ser vendido ao Braga/POR. Com poucas oportunidades no time principal lusitano, o atleta foi emprestado ao Vitória, fazendo dois gols em 32 partidas. Neste ano, retornou ao futebol português para vestir a camisa do Gil Vicente. Pela equipe, o atacante jogou 11 vezes, sem balançar as redes.

"Estou muito feliz em voltar a vestir a camisa do Náutico. É o clube que me projetou e me formou pessoalmente e profissionalmente. A expectativa é a melhor possível. Eu acompanhei e vibrei de longe com o acesso e o título nacional neste ano. Estamos no caminho certo", completou.

Leia também:
Wanderson chama atenção de Dal Pozzo no Náutico
Lombardi projeta evolução no Náutico em 2020

Veja também

Caso Pedro Henrique: STJD arquiva denúncia contra o Sport
Futebol

Caso Pedro Henrique: STJD arquiva denúncia contra o Sport

Em vídeo emocionado, jogador australiano se assume homossexual: "Quero inspirar"
FUTEBOL

Em vídeo emocionado, jogador australiano se assume homossexual e faz história