Náutico parte com ligeira vantagem na Copa do Brasil

Após vitória em casa, alvirrubros jogam por empate contra o Cuiabá, valendo vaga na 4ª fase da Copa do Brasil

Náutico x Cuiabá, na Arena de PernambucoNáutico x Cuiabá, na Arena de Pernambuco - Foto: Brenda Alcântara/Folha de Pernambuco

O Náutico vem fazendo, no início deste ano, uma série de jogos decisivos. A maratona acontece porque a equipe disputa, no momento, Campeonato Pernambucano, Copa do Nordeste e Copa do Brasil. E é em duelo válido por esta última que o Timbu volta a campo nesta quarta-feira (14), às 21h45. Os alvirrubros fazem o jogo da volta contra o Cuiabá/MT, na Arena Pantanal, em confronto que dará R$ 1,8 milhão para o time que avançar à quarta fase da Copa do Brasil. O time pernambucano tem ligeira vantagem, pois venceu o jogo da ida por 2x1 e precisa apenas de um empate para se classificar.

Além de não precisar vencer, há outro ponto que pode contar a favor do time vermelho e branco. Apesar de jogar na casa do adversário, os alvirrubros ao menos não vão sofrer com a pressão da torcida adversária. Por falta de laudos de segurança, o confronto será disputado com portões fechados. Apesar das condições favoráveis, o técnico Roberto Fernandes não pretende jogar com o "regulamento debaixo do braço". Ou seja, entrar em campo buscando somente o empate diante do Cuiabá.

"Tenho que armar uma equipe um pouco mais avançada, seja pela característica de jogo ou do jogador, para que a gente não entre no jogo da Copado Brasil só para ver o Cuiabá jogar. Temos que pensar na vantagem do empate apenas nos minutos finais", assegurou o treinador alvirrubro. Para o goleiro Bruno, que vem sendo um dos maiores destaques da equipe no ano, o Náutico precisa se aproveitar da postura ofensiva do time rival. "A gente espera um Cuiabá disposto a propor o jogo, a atacar. A gente tem que jogar com inteligência, saber usar os contra-ataques, aproveitar o bom momento do time e, se Deus quiser, sair com a vitória", resumiu o goleiro alvirrubro.

Lembrado como uma das surpresas do time neste ano, o atleta não se deixa deslumbrar pelo bom momento. "Elogio é bom, todo mundo gosta, mas a gente não pode se empolgar. Temos que focar nos jogos, fazer cada vez melhor não tomar gol e sairmos classificados desse jogo na Copa do Brasil, o que vai nos dar moral para as finais do Campeonato Pernambucano", apontou o atleta, garantido como titular, mesmo após o retorno de Jefferson, que começou a temporada como o principal goleiro do Náutico.


Ficha técnica:

Cuiabá/MT
Victor Souza, Weriton, Ednei, Marcelo Xavier e Quaresma; Magno, Rodrigo Ferreira, Doda e Hiltinho; Bruno Alves e Jenison.. Técnico: Itamar Schülle.

Náutico
Bruno; Thiago Ennes, Breno Calixto, Camutanga e Kevyn; Negretti, Josa Medina e Wallace Pernambucano; Robinho e Ortigoza. Técnico: Roberto Fernandes.

Local: Arena Pantanal, Cuiabá (MT).
Horário: 21h45.
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG).
Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira (MG) e Luiz Antônio Barbosa (MG)

Veja também

Pela Série D, Central e Salgueiro vencem; Fora, Afogados perde
Série D

Central e Salgueiro vencem; Fora, Afogados perde

Juninho Lola lamenta gol no fim: 'Empate caiu do céu para o Cruzeiro'
Náutico

Juninho Lola lamenta gol no fim: 'Empate caiu do céu para o Cruzeiro'