Náutico perde para o Central por 1x0 e cai invencibilidade nos Aflitos

O atacante Bambam marcou o gol da Patativa, no primeiro tempo.

Com a derrota por 1X0 para o Central, Timbu perdeu a invencibilidade em casa.Com a derrota por 1X0 para o Central, Timbu perdeu a invencibilidade em casa. - Foto: Divulgação / Clube Náutico Capibaribe

O Náutico deixou de ser imbatível em casa. Nesta sexta-feira (21), o Náutico perdeu por 1×0 para o Central, nos Aflitos, pelo Campeonato Pernambucano e encerrou a sequência de 17 jogos sem perder em seu domínio. O atacante Bambam marcou o gol da Patativa, no primeiro tempo. Mesmo com a derrota, o Timbu permaneceu na vice-liderança, enquanto a Patativa ultrapassou o Sport e assumiu a quinta posição.

O elenco ganhou dois dias de folga e voltará aos treinos na segunda-feira (24), quando se prepara para o jogo contra o ABC,na próxima quinta-feira (27), às 20h, também nos Aflitos, pela quinta rodada da Copa do Nordeste. No Campeonato Pernambucano, a equipe alvirrubra só volta a cam no dia 1 de março, enfrentando o Santa Cruz no Arruda.

Ficha

Náutico: Marcão; Bahia, Rafael Ribeiro, Fernando Lombardi e Erick Daltro; Josa, Djavan (Jhonnatan) e Jorge Henrique (Guillermo Paiva), Júlio (Wanderson), Jefferson Nem e Salatiel. Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

Central: Léo; Polegar, Allan Miguel, Janelson (Rangerson) e Wendel Nery; Esdras, Janderson Maia (Herbert), Bruninho (Caique) e Danilinho; Leandro Costa e Bambam. Técnico: Silvio Criciúma.

Local: estádio dos Aflitos (PE). Árbitro: Diego Fernando. Assistentes: Clóvis Amaral e John Andson. Gol: Bambam aos 13′ do 1ºT. Cartões amarelos: Djavan, Salatiel (Náutico); Polegar, Esdras, Rangerson (Central). Público: 1.160 torcedores. Renda: R$ 5. 728,00

Veja também

Internacional vence sexta seguida e fica a um ponto do líder São Paulo
Campeonato Brasileiro

Internacional vence sexta seguida e fica a um ponto do líder São Paulo

Presença de atletas formados na base cresce 25% em Brasileiro na pandemia
Futebol

Presença de atletas formados na base cresce 25% em Brasileiro na pandemia