Náutico quer vencer e convencer

A sucessão de resultados positivos só chegou ao fim ante do Luverdense, no entanto, os alvirrubros querem logo voltar a vencer e a jogar bem.

Deputado Rodrigo Novaes (PSD) durante discurso na AlepeDeputado Rodrigo Novaes (PSD) durante discurso na Alepe - Foto: João Bita/Alepe

 

A sequência de seis vitórias seguidas do Náutico sob o comando de Givanildo Oliveira teve seu auge de boa atuação na partida contra o Vasco, na Arena de Pernambuco. Naquele jogo, o Timbu derrotou o até então líder da Série B por 3x1 com um grande desempenho. Porém, em seguida, diante de Bragantino, Brasil de Pelotas e Ceará a equipe teve uma queda de rendimento, apesar de ter vencido os confrontos - todos com placares apertados, alguns decididos nos minutos finais. A sucessão de resultados positivos só chegou ao fim ante do Luverdense, no entanto, os alvirrubros querem logo voltar a vencer e a jogar bem.
O exemplo do confronto do Vasco serve de lição para a próxima rodada. Hoje, o líder é o Atlético/GO, com o acesso praticamente garantido, porém, ainda com o objetivo de conquistar o título. Diante do adversário mais poderoso do momento na competição, o goleiro Júlio César espera que o Timbu retome o caminho das boas atuações para engrenar de vez na reta final e alcançar a pontuação necessária para chegar à Série A.
“Sou a favor de sempre vencer e jogar bem. De saber que o trabalho foi bem realizado.

 Espero que a gente possa fazer isso agora contra uma grande equipe. Não sei se a matemática já assegura o acesso deles, mas as chances são grandes. Tem a briga pelo título, mas o principal, que é subir, já está bem encaminhado. Que a gente possa fazer nosso melhor jogo contra o líder e conseguir mais três pontos fundamentais. Para depois ir para um confronto direto diante do CRB”, disse o camisa 1.

O volante João Ananias reconheceu a queda no futebol apresentado pelos alvirrubros, algo que foi dito até mesmo pelo técnico Givanildo Oliveira após algumas das partidas. Portanto, o atleta considera que o momento da equipe é de crescer em campo para atingir a meta ao final da temporada.

“Não vínhamos jogando bem, como o próprio Givanildo tinha falado, mas as vitórias estavam acontecendo. A vontade estava sobressaindo. Porém contra o Luverdense não jogamos bem e a derrota veio. Serve de aprendizado para pegar o Atlético/GO e também encarar o restante da competição. Não podemos mais tropeçar. Se quiser subir, tem de ter só resultados positivos daqui para frente”, finalizou.

Mobilidade
Com mais de 5.500 ingressos vendidos para a partida entre Náutico e Atlético/GO, um esquema de mobilidade foi montado para levar o torcedor à Arena de Pernambuco. Os alvirrubros terão duas opções: ir de metrô até o Terminal Integrado Cosme e Damião e de lá utilizar o Circular Arena de Pernambuco, ao custo de R$ 2,80; ou ir no BRT/Expresso Arena, que sai do Derby ao valor de R$ 15 a passagem. Os dois funcionarão normalmente no retorno dos torcedores após a partida.

 

Veja também

Liverpool cede empate ao Burnley; Norwich é primeiro rebaixado da Premier League
Futebol Internacional

Liverpool cede empate ao Burnley; Norwich é primeiro rebaixado da Premier League

Campeão mundial com a Inglaterra, Jack Charlton morre aos 85 anos
Luto

Campeão mundial com a Inglaterra, Jack Charlton morre aos 85 anos