Esportes

Náutico terá time alternativo para enfrentar o Vitória/PE

Timbu deve entrar em campo com uma equipe toda reserva; Rafael Ribeiro, recuperado de lesão, é uma das novidades

Lances de Náutico x RiverLances de Náutico x River - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

A atual invencibilidade do Náutico na temporada 2020 já viveu dois momentos distintos de análise. Até o jogo contra o River/PI, pela Copa do Nordeste, o termo não era comumente usado, já que o Timbu só acumulava empates no ano. Em seguida, com os três triunfos consecutivos perante Petrolina, Decisão e Freipaulistano, virou orgulho para os alvirrubros. Para manter a trajetória sem derrotas, mirando o pelotão de cima do Campeonato Pernambucano, a equipe visita hoje o Vitória/PE, na Arena de Pernambuco, às 21h30, pela quarta rodada da competição.

O curto intervalo entre os jogos fez o técnico Gilmar Dal Pozzo, desde o início do ano, montar praticamente dois times, um com a base titular e outro com os atletas pratas da casa e reservas. Contra o Vitória, a escolha é pelo segundo grupo. A ideia do treinador é poupar a equipe principal para a partida perante o Botafogo/PB, sábado, no Almeidão, pela Copa do Nordeste. Sendo assim, o Timbu terá várias novidades em relação à escalação apresentada perante os sergipanos, na rodada passada pelo regional.

"Achamos que era a hora de rodar o elenco. Todo os atletas têm condições de responder à altura, seja com a equipe alternativa ou a titular", afirmou o auxiliar-técnico do clube, Luciano Borges.

Entre as mudanças, o Náutico terá a volta do zagueiro Rafael Ribeiro, recuperado de dores na coxa direita. O jogador deve formar a zaga com Rafael Dumas. Marcão, no gol, além de Bahia e Erick Daltro, nas laterais, completam a defesa. No meio-campo, com as lesões de Josa, Jhonnatan e Jorge Henrique, o Timbu pode ter um trio de pratas da casa no setor: Wagninho, Miro e Lucas Paraíba - Rhaldney tem atuado mais regularmente entre os titulares e não deve começar jogando.

No ataque, a grande baixa é Kieza, diagnosticado com uma lesão no tornozelo esquerdo. O camisa 9 só volta aos gramados em março. O paraguaio Paiva é o mais cotado para ganhar espaço no time principal. Porém, como o Timbu pretende colocar uma equipe alternativa em campo, o jogador deve ficar como opção. A tendência é que time coloque o trio ofensivo formado por Júlio, Jefferson Nem e Salatiel.

Veja também

Dono da melhor defesa, Sport tem segundo pior ataque da parte superior da tabela
Sport

Dono da melhor defesa, Sport tem segundo pior ataque da parte superior da tabela

Nadal e Djokovic vencem com facilidade e vão às oitavas de Roland Garros
Tênis

Nadal e Djokovic vencem com facilidade e vão às oitavas de Roland Garros