Náutico terá time alternativo para enfrentar o Vitória/PE

Timbu deve entrar em campo com uma equipe toda reserva; Rafael Ribeiro, recuperado de lesão, é uma das novidades

Lances de Náutico x RiverLances de Náutico x River - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

A atual invencibilidade do Náutico na temporada 2020 já viveu dois momentos distintos de análise. Até o jogo contra o River/PI, pela Copa do Nordeste, o termo não era comumente usado, já que o Timbu só acumulava empates no ano. Em seguida, com os três triunfos consecutivos perante Petrolina, Decisão e Freipaulistano, virou orgulho para os alvirrubros. Para manter a trajetória sem derrotas, mirando o pelotão de cima do Campeonato Pernambucano, a equipe visita hoje o Vitória/PE, na Arena de Pernambuco, às 21h30, pela quarta rodada da competição.

O curto intervalo entre os jogos fez o técnico Gilmar Dal Pozzo, desde o início do ano, montar praticamente dois times, um com a base titular e outro com os atletas pratas da casa e reservas. Contra o Vitória, a escolha é pelo segundo grupo. A ideia do treinador é poupar a equipe principal para a partida perante o Botafogo/PB, sábado, no Almeidão, pela Copa do Nordeste. Sendo assim, o Timbu terá várias novidades em relação à escalação apresentada perante os sergipanos, na rodada passada pelo regional.

"Achamos que era a hora de rodar o elenco. Todo os atletas têm condições de responder à altura, seja com a equipe alternativa ou a titular", afirmou o auxiliar-técnico do clube, Luciano Borges.

Entre as mudanças, o Náutico terá a volta do zagueiro Rafael Ribeiro, recuperado de dores na coxa direita. O jogador deve formar a zaga com Rafael Dumas. Marcão, no gol, além de Bahia e Erick Daltro, nas laterais, completam a defesa. No meio-campo, com as lesões de Josa, Jhonnatan e Jorge Henrique, o Timbu pode ter um trio de pratas da casa no setor: Wagninho, Miro e Lucas Paraíba - Rhaldney tem atuado mais regularmente entre os titulares e não deve começar jogando.

No ataque, a grande baixa é Kieza, diagnosticado com uma lesão no tornozelo esquerdo. O camisa 9 só volta aos gramados em março. O paraguaio Paiva é o mais cotado para ganhar espaço no time principal. Porém, como o Timbu pretende colocar uma equipe alternativa em campo, o jogador deve ficar como opção. A tendência é que time coloque o trio ofensivo formado por Júlio, Jefferson Nem e Salatiel.

Veja também

Bryan valoriza trabalho da preparação física no Náutico
Futebol

Bryan valoriza trabalho da preparação física no Náutico

Pelé sobre Neymar: 'Sempre fico feliz quando vejo ele jogar bola'
FUTEBOL

Pelé sobre Neymar: 'Sempre fico feliz quando vejo ele jogar bola'