Náutico: Volta para casa em grande estilo

Após cinco anos atuando na Arena de Pernambuco, Alvirrubro voltou a mandar seus jogos no estádio dos Aflitos, recuperando o elo com a torcida e com a história do clube

Aflitos foi a arma do Náutico na decisãoAflitos foi a arma do Náutico na decisão - Foto: Léo Malafaia/Folha de Pernambuco

O campo, a arquibancada e o bairro. A sirene após as vitórias, o sorvete de "Vevete" e o bar do americano. O encontro na rua da Angustura, a avenida alvirrubra e o clima de caldeirão. Voltar aos Aflitos foi recuperar todo esse espaço, esses detalhes e sentimentos que somente o Eládio de Barros Carvalho poderia proporcionar. Em 2019, o Náutico retornou ao lar. Palco fundamental na campanha do título da Série C.

Pela Série C, o Náutico fez 12 partidas em seu estádio. Foram oito vitórias, três empates e apenas uma derrota, com aproveitamento de 75%. Vale citar que a única derrota no torneio foi antes da chegada do técnico Gilmar Dal Pozzo. Com o novo comandante, a estatística aumenta para 80%.

O estádio dos Aflitos foi palco dos jogos mais emocionantes do Náutico na competição. Contra o Paysandu/PA, o Timbu conseguiu o acesso à Série B após empate heroico em 2x2 e um triunfo na penalidades - o Papão abriu 2x0 e os pernambucanos igualaram o marcador no último minuto. No final, uma festa com direito a invasão pacífica no gramado. Uma cena que os alvirrubros jamais vão esquecer.

Diante do Juventude/RS, nas semifinais, nova classificação decidida na marca dos 11 metros, após vencer por 2x1 no tempo normal. Na final, contra o Sampaio Corrêa/MA, o título começou a ser desenhado na vitória por 3x1 em casa. Resultado que deu vantagem para os alvirrubros no jogo da volta.

Quis o destino que o primeiro título nacional do Náutico fosse conquistado longe do seu reduto, mas é inegável que a maior parte da taça tem o mérito do bom desempenho como mandante. Todos os milhões investidos no estádio e o longo período em obras foi recompensado. No ano em que os Aflitos reabriu, a torcida e o clube voltaram a se sentir, verdadeiramente, em casa.

Leia também:
Confira festa da torcida do Náutico nos Aflitos pós-título
Confira os melhores momentos do título do Náutico
Náutico: Gestão foi fundamental na reconstrução do clube

Veja também

Thiago Monteiro tem caminho favorável em Roland Garros após vitória
Tênis

Thiago Monteiro tem caminho favorável em Roland Garros após vitória

Fortaleza e Ceará chegam juntos às oitavas de final da Copa do Brasil pela primeira vez na história
Futebol

Fortaleza e Ceará chegam juntos às oitavas de final da Copa do Brasil pela primeira vez na história