Vinícius foi emprestado ao Náutico
Vinícius foi emprestado ao NáuticoFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Contratado sob muita expectativa da torcida, em agosto deste ano, o meia Vinícius chegou ao Náutico com a missão de levar a equipe de volta à Série A do Campeonato Brasileiro. Teve até um bom desempenho no início, fez cinco gols em dois jogos, porém, teve uma queda drástica de rendimento e não repetiu as boas atuações nas rodadas finais da Série B, que terminou sem acesso para o Timbu. Com um alto salário, o jogador não interessa ao Timbu e voltará ao Atlético/PR na próxima temporada. Ele, inclusive, já viajou para Curitiba, onde passa férias.

“Ele já foi liberado, acabou o contrato e não ficará. Tem um salário alto, não teve um rendimento que se esperava e voltará ao Atlético/PR. Teremos uma outra realidade no próximo ano, uma folha salarial mais baixa e não poderemos contar com Vinícius”, afirmou o diretor de futebol do Náutico Marcílio Sales. O meio-campista disputou 16 partidas na Série B, 13 como titular e marcou cinco gols.

Na capital paranaense desde a última semana, Vinícius entrou com uma ação trabalhista contra o Náutico por dívidas de 2014, em sua primeira passagem pelo clube. A diretoria alvirrubra, no entanto, ainda não foi notificada oficialmente e tenta se defender.

“Desconheço. Mas se há uma ação trabalhista, é por uma dívida de 2014. Porque do atual período ele não tem do que reclamar, tudo foi pago. O Náutico chamou o novo empresário dele para fazer um acordo, então, o empresário antigo, Francis Melo, disse que tinha uma procuração para receber o que fosse acordado na Justiça. Disse, inclusive, que já havia acertado com Vinícius. Então, ficou esse impasse. É um problema que eles precisam resolver primeiro entre si”, concluiu Marcílio Sales.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: