Giovanni em treinamento no CT Wilson Campos
Giovanni em treinamento no CT Wilson CamposFoto: Léo Lemos/Divulgação/Náutico

Giovanni não defenderá mais as cores do Náutico nesta temporada. Após reunião com a diretoria, o atleta solicitou nesta segunda (30) o desligamento do clube. O anúncio foi feito pelo gerente de futebol, Ítalo Rodrigues.

“Giovanni nos procurou um pouco antes do treino e, alegando motivos pessoais, pediu desligamento do clube. Conversamos com o atleta e achamos por bem acatar o pedido. Ele vai dar seguimento à carreira e desejamos sucesso para ele”, afirmou, negando que haja possibilidade de o profissional ser reintegrado ao grupo, como aconteceu com Bruno Mota. “São situações diferentes, porque Bruno era do Atlético/PR e voltaria de empréstimo, enquanto Giovanni só tinha vínculo conosco”, completou.

Uma das principais peças do elenco do Náutico nesta Série B, Giovanni atuou em 21 jogos pelo clube, marcando dois gols. Com a saída do camisa 10, a tendência é que Bruno Mota volta a ser utilizado como meia armador e não improvisado como centroavante.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: