NBA retorna em grande estilo nesta terça-feira (22)

Maior liga de basquete do mundo inicia edição 2019/2020 com clássico de Los Angeles e promessa de temporada super equilibrada

A NBA é a maior liga de basquete profissional do mundoA NBA é a maior liga de basquete profissional do mundo - Foto: AFP

Após Kawhi Leonard fazer o improvável, ajudar o Toronto Raptors a derrubar a dinastia do Golden State Warriors e de uma movimentação agitada no mercado de free agency (agentes-livres), a NBA retorna hoje para iniciar a temporada 2019/2020 com a promessa de ser uma das edições mais competitivas dos últimos anos. Mesmo com alguns favoritos, é impossível cravar uma equipe como campeã da maior liga de basquete do mundo, devido às mudanças nos elencos das franquias.

Leia também:
[Vídeo] Folha em Campo debate início da NBA 2019/2020
LeBron James se envolve na disputa entre NBA e China
Cancelado em Xangai evento da NBA após polêmico tuíte
Tiros e correria em festa dos Raptors em Toronto


O mercado interno dos jogadores sem contrato foi tão empolgante que, dos 10 titulares no último All-Star Game, cinco mudaram de equipe. Kemba Walker foi para o Boston Celtics, Kyrie Irving e Kevin Durant se mudaram para o Brooklyn Nets, além de Kawhi Leonard e Paul George que surpreenderam e vão jogar juntos no Los Angeles Clippers.

Os Clippers, inclusive, apresentam uma das principais mais interessantes deste início de temporada. Conhecido como o patinho feio de Los Angeles, o time tem o principal elenco da NBA e está sendo considerado por muitos analistas como o favorito para conquistar o título da NBA. Com George, Leonard e Patrick Beverley, os comandados de Doc Rivers têm tudo para montar a principal defesa do perímetro da Liga.

Outra novidade foi a formação de várias duplas de craques nas franquias. Além das já citadas, LeBron James/Anthony Davis e James Harden/Russel Westbrook farão a festa dos fãs da NBA. Pedindo troca desde o meio da última temporada, o "Monoselha" só conseguiu mudar de equipe nesta free agency. O pivô, no entanto, foi envolvido em uma transação que levou bons jovens dos Lakers, como Lonzo Ball, Brandon Ingram e Josh Hart, além de escolhas de Draft para o New Orleans Pelicans. Com King James, ele deve ter ótimos números, caso se mantenha saldável, fazendo dos Lakers uma das candidatas ao título da NBA. Já os Rockets conseguiram reunir os amigos armadores, que jogaram juntos por três temporadas em Oklahoma, e mesmo que demorem a encaixar, devem estar no topo da Conferência Oeste.

Atual campeão, o Toronto Raptors perdeu sua principal estrela, Kawhi Leonard, mas mesmo assim promete brigar pelas quatro primeiras posições da Conferência Leste. Com veteranos em alta - Kyle Lowry, Serge Ibaka e Marc Gasol (campeão da Copa do Mundo pela Espanha) -, os comandados de Nick Nurse devem depender bastante da evolução do ala-pivô camaronês Pascal Siakam para pensar em disputar o título. Também no Leste, o Philadelphia 76ers perdeu Jimmy Buttler para o Miami Heat, mas se fortaleceu com a chegada de Al Hoford e ainda contaram com a surpreendente primeira bola de três pontos da carreira de Ben Simmons, na pré-temporada. Assim, os 76ers ao lado do Milwaukee Bucks, equipe do atual MVP Giannis Antetokounmpo, devem brigar pela primeira posição na temporada regular.

Já o Golden State Warriors, finalista das últimas cinco edições, terá um "roster" bem diferente nesta temporada. Sem Kevin Durant e Andre Iguodala, os comandados de Steve Kerr apostam em Stephen Curry e D'Angelo Russel como principais armas ofensivas até volta do lesionado Klay Thompson, que deve ocorrer em janeiro. O ala-armador será um desfalque importante que pode, inclusive, significar uma não ida para os playoffs depois de oito anos.

Representantes do Brasil na NBA, Bruno Caboclo, Raulzinho, Nenê e Cristiano Felício devem ter anos distindos em suas equipes. O ala, principal destaque brasileiro na Copa do Mundo, deve ser um dos atletas mais acionados no banco do Memphis Grizzlies. O armador, que não esteve no Mundial devido a uma lesão no tornozelo esquerdo, deve ganhar minutos como principal reserva de Ben Simmons no Philadelphia, mas precisa melhorar seu chute do perímetro para permanecer mais tempo em quadra. Veterano, Nenê deve ser acionado em poucos jogos, porém será fundamental no vestiário dos Rockets. Já Felício deve ter espaço no Chicago Bulls, entretanto a decepcionante Copa do Mundo e a falta de evolução podem significar em saída do pivô da equipe.

Transmissão
Ganhando espaço de audiência no Brasil, a NBA estará presente na TV aberta (Band) em temporada regular pela primeira vez desde 2004. No total, a liga terá 269 jogos transmitidos ao vivo pelo SporTV, ESPN e Band. Para a estreia da temporada, o SporTV exibirá as duas partidas de hoje: Toronto Raptors x New Orleans Pelicans, às 21h, e o clássico Los Angeles Clippers x Los Angeles Lakers, às 23h30.

Veja também

Atletas dos EUA consideram insuficiente decisão contra policial por morte de Breonna Taylor
Esportes

Atletas dos EUA consideram insuficiente decisão contra policial por morte de Breonna Taylor

Com Covid, Ibrahimovic vira desfalque do Milan na Liga Europa
Coronavírus

Com Covid, Ibrahimovic vira desfalque do Milan na Liga Europa