NE: Náutico faz projeção para buscar vaga no mata-mata

Para Roberto, Timbu precisa vencer três dos últimos quatro jogos da fase de grupos

Náutico precisa se recuperar no NordestãoNáutico precisa se recuperar no Nordestão - Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Na terceira colocação do Grupo C da Copa do Nordeste, com apenas um ponto, o Náutico está em situação incômoda no torneio. Acima apenas do Altos/PI, lanterna por conta do saldo de gols, o Timbu encara o vice-líder Bahia, com três pontos, na Arena Fonte Nova, em busca de uma reabilitação. Mais do que um triunfo para ficar momentaneamente na zona de classificação à fase de mata-mata do Regional, o Timbu definiu sua projeção para a série de compromissos restantes da etapa inicial. A primeira das quatro “finais” começa nesta quinta (22).

“Temos quatro jogos para vencermos três. Se fizermos isso, vamos chegar a 10 pontos. Dificilmente não classificaríamos. Num grupo de quatro equipes, classificando duas, para não passar com 10 somente se o último colocado zerar e todos ganharem dele. E isso não está acontecendo com o Altos. Temos dois jogos em casa e dois fora. Ganhando três, estamos dentro. Se a gente perder para o Bahia, fica difícil, mas vencendo as duas seguintes em casa, jogaríamos pela classificação contra o Altos fora”, explicou o técnico Roberto Fernandes. O atual líder é o Botafogo, com nove pontos.

O jogo diante do Náutico será o primeiro do Bahia após a polêmica no clássico baiano diante do Vitória, no último fim de semana, pelo Estadual. O Ba-Vi terminou com uma confusão generalizada entre os atletas dos dois clubes, com agressões e muitas expulsões. Tudo começou após o meia Vinícius marcar o tento de empate (duelo acabou 1x1) e comemorar provocando a torcida rubro-negra. Uma situação que, na visão de Roberto, não influenciará no confronto.

“Eles vêm se arrumando na temporada. Guto (Ferreira, técnico) tem procurado organizar a equipe, que tem potencial de Série A, com jogadores que o nosso torcedor gostaria de ter aqui. O Botafogo não está na liderança de graça, mas o time de maior obrigação a terminar em primeiro é o Bahia. Será uma partida em que os dois times vão entrar em busca do resultado. Mas se pensarmos apenas no empate, nós ficaremos perto da derrota. Temos que procurar a vitória”, declarou.

Fernandinho


O Náutico terá um desfalque importante diante do Bahia. O atacante Fernandinho sofreu uma lesão muscular no bíceps femoral da coxa direita e não viajou com o elenco. O atleta pode desfalcar o Timbu por até 15 dias. Com essa ausência, Robinho pode ganhar uma chance entre os titulares. 

Veja também

Aliviado, Kleina vê vitória como fator para 'readquirir confiança'
Náutico

Aliviado, Kleina vê vitória como fator para 'readquirir confiança'

Sai, zica! Náutico encerra jejum e bate Oeste fora de casa
Série B

Sai, zica! Náutico encerra jejum e bate Oeste fora de casa