Sport

Neílton aciona Justiça do Trabalho e cobra mais de R$ 9 milhões do Sport

Ação foi feita na noite desta quinta-feira e confirmada pelo advogado do jogador

Neilton, ex-atacante do SportNeilton, ex-atacante do Sport - Foto: Anderson Stevens/Sport

O Sport tem convivido com bronca atrás de bronca fora das quatro linhas. Desta vez, o atacante Neílton foi o responsável por acionar o clube na Justiça do Trabalho. Emprestado pelo Coritiba no ano passado, o jogador cobra por vencimentos atrasados, atesta acidente de trabalho, além de pedir reconhecimento de rescisão indireta. A informação foi confirmada à Folha de Pernambuco pelo advogado do atleta, Filipe Rino.

"Ele tem cinco meses de salários atrasados, oito meses sem pagamentos dos direitos de imagem e uma séria de outras coisas. Como ele sofreu um acidente de trabalho, teve que passar por cirurgia, o clube tinha que prorrogar o contrato dele, o que não foi feito. Estamos cobrando toda a indenização que o atleta tem direito", explicou Rino. 

Ainda segundo o advogado, a ação foi encaminhada à Justiça do Trabalho no começo da noite desta quinta-feira (20) e o Sport ainda não foi notificado. A reportagem tentou falar com o departamento jurídico do Leão, mas não obteve sucesso até a publicação desta matéria.

Em relação aos valores, a ação completa é de R$ 9.331.681,91 quando somadas todas as solicitações feitas por Neílton. Entre elas, salários atrasados, direito de imagem, 13º, férias, FGTS não depositado, cláusula compensatória, indeinizações referentes à lesão sofrida - estas chegando a R$ 4 milhões -, pagamentos de despesas médicas e de danos morais decorrentes do acidente de trabalho.

Neílton está sem atuar desde o meio do ano passado. Na ocasião, deixou de atuar para passar por um procedimento cirúrgico no tornozelo direito. Na época, chegou a falar que vinha jogando no sacrifício pelo clube. 

No entanto, foi no início de dezembro que a relação com o Sport ficou abalada. Em extensa nota divulgada em seu Instagram, o atacante falou se sentir "largado" pelo clube, acusando o Leão de não o autorizar a fazer a cirurgia quando foi diagnosticado o problema. Na sequência, afirmou que o procedimento foi mal feito, agravando assim o problema, o levando a procurar um médico de confiança para realizar a cirurgia por conta própria. Dias depois, o Sport rebateu o jogador, negando qualquer tipo de negligência médica. 

Veja também

Lyon vence Barcelona e conquista Liga dos Campeões feminina mais uma vez
Futebol Europeu

Lyon vence Barcelona e conquista Liga dos Campeões feminina mais uma vez

Retrô vence Icasa e Afogados perde de virada para o Sousa
Futebol

Retrô vence Icasa e Afogados perde de virada para o Sousa