Neymar chuta mais, cai menos e sorri em vitória do Brasil

Apesar não marcar gol, Neymar foi bastante participativo contra a Sérvia e não reclamou com a arbitragem

Neymar pareceu muito mais calmo na partida contra a Sérvia Neymar pareceu muito mais calmo na partida contra a Sérvia  - Foto: KIRILL KUDRYAVTSEV / AFP

Neymar não marcou, mas caiu e reclamou menos com árbitros e adversários na terceira partida na Copa do Mundo. Em campo, viu Paulinho e Thiago Silva garantirem os 2 a 0 que confirmou a classificação brasileira na primeira colocação do Grupo E.

O resultado levou o Brasil às oitavas de final do Mundial. O próximo adversário será o México, dia 2, em Samara.

Demonstrando estar mais calmo desde o início do jogo na comparação com os dois primeiros jogos, abriu sua participação na partida com um drible, No primeiro minuto de jogo nesta quarta, por exemplo, ele já colocou as bolas entre as pernas de um rival.

Pouco depois, tabelou com Gabriel Jesus, invadiu a pequena área e quase abriu o placar, mas viu o goleiro da Sérvia salvar com a ponta dos dedos.

Foi o primeiro dos sete chutes a gol do atacante no jogo.Três deles no gol. Nas duas partidas anteriores tinha somado seis chutes, só um deles na meta, o gol contra a Costa Rica.

Aos 32 minutos do primeiro tempo, um lance que deixou evidente como Neymar estava diferente da partida anterior, contra a Costa Rica, quando levou amarelo por reclamação após dar um soco na bola e deixar o campo irritado com a arbitragem.

O camisa 10 havia sofrido dura entrada de Ljajic pela esquerda do ataque brasileiro. O atacante rolou no chão, levantou e, sem reclamar com a arbitragem, como vinha fazendo nos últimos jogos, ainda sorriu para Mladen Krstajic, técnico da Sérvia, que havia se aproximado, levado a mão à boca e falado com o brasileiro.
Leia também:
Brasil bate Sérvia e vai encarar o México nas oitavas
[Vídeo] Neymar ganha música antes de jogo contra Sérvia

O árbitro ainda aplicou cartão amarelo para Ljajic pela entrada em Neymar.

No segundo tempo, o atacante brasileiro continuou tentando criar jogadas. No meio da etapa complementar, a Sérvia, que precisava virar o placar do jogo para não dar adeus à Copa do Mundo, se lançou com tudo ao ataque. E passou a pressionar sem parar, empurrada por uma torcida barulhenta no estádio do Spartak.

Foi nesse momento que Neymar chamou o jogo para si, pediu apoio da torcida brasileira com as mãos, tentou o drible pela ponta esquerda do ataque e arrancou novo escanteio. Na cobrança, colocou com perfeição na cabeça de Thiago Silva para decidir o jogo.

Veja também

Espanha goleia Eslováquia e vai às oitavas da Eurocopa
Futebol

Espanha goleia Eslováquia e vai às oitavas da Eurocopa

André prega evolução em sequência como titular
Futebol

André prega evolução em sequência como titular