Esportes

Neymar diz que não está 100% e foge de pergunta sobre Real

Neymar deve jogar pela primeira vez desde o procedimento no próximo dia 3, quando a Seleção Brasileira enfrenta a Croácia em Liverpool

Neymar treinando na Granja Comary, Neymar treinando na Granja Comary,  - Foto: Reprodução

Três meses após sofrer uma lesão no quinto metatarso do pé direito durante jogo do Paris Saint-Germain, o atacante Neymar afirmou que ainda não está 100%. Ele passou por cirurgia no início de março e só retornou aos treinos com bola há dez dias no próprio clube francês. Na última semana fez as primeiras atividades com a seleção brasileira na Granja Comary. "Ainda não estou 100%. Isso é com o tempo. Há um receio de fazer os movimentos totais. Ainda faltam alguns dias para a estreia", disse o atacante na sede da CBF.

Leia também:
Treino aberto da seleção tem confusão e correria na entrada
Neymar brinca sobre ambiente na seleção brasileira
Em tratamento, Daniel Alves irá à Rússia para ver Seleção
Com Neymar, Seleção Brasileira inicia preparação pra Copa

No local, os jogadores almoçaram, visitaram o Museu da entidade antes de embarcarem para Londres, local da segunda etapa da preparação. "Já tive algumas dificuldades que estou tendo agora. Perder o medo demora um pouco. Tem nada que possa me impedir. O receio que sinto é por estar três meses parado. Fisicamente estou bem. O pé está bom, lesão está boa. Claro que estou me adaptando em algumas coisas. Tenho alguns incômodos, mas nada que vá atrapalhar", acrescentou o camisa 10, que não estava escalado para dar entrevista, mas errou o local de saída do museu e foi chamado para conversar com os jornalistas.

Neymar sofreu a lesão durante o jogo entre Paris Saint-Germain e Olympique de Marselha no dia 25 de fevereiro, pelo Campeonato Francês. Menos de uma semana depois, passou por cirurgia. Ele deve jogar pela primeira vez desde o procedimento no próximo dia 3, quando a Seleção Brasileira enfrenta a Croácia em Liverpool. No dia 10, a equipe de Tite enfrenta a Áustria, em Viena.

Os amistosos são os últimos antes da estreia no Mundial da Rússia, que está marcada para o dia 17 de junho em Rostov. "A expectativa é de que ele esteja à disposição para o primeiro amistoso. Foi submetido a uma carga de trabalho importante nesta semana, respondeu super bem. É claro que ele ainda precisa de um tempo de adaptação, de se sentir cada vez mais seguro. Essa fase de dois amistosos é importante para que ele possa se sentir cada vez melhor e preparado para a Copa do Mundo", afirmou o médico Rodrigo Lasmar.

Neymar também comentou sobre o interesse do Real Madrid na sua contratação. "O foco é Seleção Brasileira. Estão falando besteira, acho que não vale nem responder", afirmou o atacante. A Seleção viaja ainda na tarde deste domingo (27) para Londres, onde será realizada a segunda fase de preparação para a Copa do Mundo. 

A equipe estará completa com os 23 jogadores somente na quarta-feira (30). A comissão técnica decidiu dar um tempo maior de descanso para Casemiro, Marcelo e Firmino, que disputaram a final da Liga dos Campeões no sábado, em Kiev.



Veja também

"Quando vamos fazer algo?": Steve Kerr, técnico do Warriors, se emocionado após ataque em escola
ESTADOS UNIDOS

"Quando vamos fazer algo?": Steve Kerr, técnico do Warriors, se emocionado após ataque em escola

Governo britânico autoriza venda do Chelsea para um grupo liderado pelo americano Todd Boehly
Futebol

Governo britânico autoriza venda do Chelsea para um grupo liderado pelo americano Todd Boehly