Neymar e Mbappé desfalcam PSG na Copa da França

Com as saídas dos dois astros, Lucas Moura, mesmo insatisfeito, foi relacionado para jogo contra o Guingamp

Lucas está no PSG desde 2013Lucas está no PSG desde 2013 - Foto: Franck Fife/AFP

O Paris Saint-Germain terá os desfalques de Neymar e Mbappé para jogo da Copa da França contra o Guingamp, nesta quarta-feira (23). Com as saídas dos dois astros, Lucas Moura poderá jogar. Mesmo insatisfeito, o meia foi relacionado pelo técnico Unai Emery para o jogo, válido pela segunda fase do torneio.

Leia também:
Sem Neymar, PSG perde para o Lyon
Decepcionado com vaias, Neymar terá mês decisivo no PSG

Ausente da derrota do PSG contra o Lyon pelo Campeonato Francês no último domingo, Neymar ainda sente dores na coxa direita. O brasileiro nem sequer treinou nesta terça-feira por ainda não ter se recuperado. Assim como o brasileiro, Mbappé também segue sentindo dores após trombar com o goleiro Anthony Lopes e machucar as costelas no último fim de semana.

Além deles, outro desfalque será Thiago Motta. O volante está afastado desde o dia 7 de janeiro, após ter se machucado na goleada do PSG contra o Rennes por 6x1, durante a primeira rodada da Copa da França.

Principal atingido pela chegada de Neymar e Mbappé no início da temporada, Lucas finalmente terá a chance de jogar de novo. O meia, que sequer vinha sendo relacionado para os jogos depois do próprio técnico abrir as portas para ele sair do clube, foi relacionado para o jogo e poderá atuar.

Por mais que ainda deseje atuar na Inglaterra, Lucas está negociando empréstimo com o Betis.

Confira a lista de relacionados pelo PSG:

Goleiros: Areola e Trapp
Defensores: Berchiche, Georgen, Kimpembe, Kurzawa, Marquinhos, Meunier, Nsoki e Thiago Silva
Meio-campistas: Draxler, Los Celso, Lucas, Nkunku, Pastore e Rabiot
Atacantes: Cavani, Di Maria

Veja também

Sport renova esperança por dias melhores após estreia no Brasileirão
FUTEBOL

Sport renova esperança por dias melhores após estreia no Brasileirão

Santa deve ficar alerta para disparidade entre ataque e defesa
FUTEBOL

Santa deve ficar alerta para disparidade entre ataque e defesa