Fórmula 1

Lewis Hamilton se torna maior vencedor da Fórmula 1

Piloto chegou em primeiro lugar no Grande Prêmio de Portugal de Fórmula 1, neste domingo (25)

HamiltonHamilton - Foto: José Sena Goulao/Pool/AFP

Ao chegar em primeiro lugar no Grande Prêmio de Portugal de Fórmula 1, neste domingo, o inglês Lewis Hamilton registrou o recorde de 92 vitórias na principal categoria do automobilismo mundial, ultrapassando a marca do alemão Michael Schumacher (91), e agora vai em busca do sétimo título mundial, que está ao seu alcance no final da temporada:

- Hamilton tem 92 vitórias nos 262 Grandes Prêmios que disputou entre 2007 e 2020. Schumacher participou de 307 provas da F1, mas não venceu mais a partir do GP da China de 2006, onde conquistou o primeiro lugar pela 91ª vez em sua corrida de número 247 na categoria. Atrás da dupla aparece o também alemão Sebastian Vettel, com 53 vitórias em 260 GPs. 
 

- Pouco antes da temporada, o inglês já havia destronado o alemão em número de pódios, agora com 161 a 155. Terceiro na classificação, Vettel esteve entre os três primeiros 120 vezes. 

- O piloto da Mercedes detém desde 2017 o recorde de pole position (97), à frente de Schumacher (68) e Ayrton Senna (65). 

- Em 22 ocasiões ao longo de sua carreira na F1, Schumacher conquistou a pole position, a volta mais rápida e a vitória no mesmo fim de semana. O britânico é o segundo com 18 hat-trick. 

- O recorde de Schumacher de 77 voltas mais rápidas é mais sólido, pois Hamilton tem 'apenas' 52, à frente de Kimi Räikkönen (46), Alain Prost (41) e Vettel (38). 

- Com sete títulos (1994, 1995, 2000, 2001, 2002, 2003 e 2004), Schumacher é o maior campeão na história da Fórmula 1. Hamilton, vencedor em 2008, 2014, 2015, 2017, 2018 e 2019, está a um título de distância , que pode acontecer nesta temporada. Atrás deles estão Juan Manuel Fangio (5 títulos entre 1951 e 1957), Prost (quatro entre 1985 e 1993) e Vettel (entre 2010 e 2013)

- Schumacher divide com Rubens Barrichello o recorde de 19 temporadas na F1, enquanto Hamilton disputa em 2020 seu décimo quarto ano na elite do automobilismo. O recorde para o número de largadas no GP é detido por Räikkönen (327) à frente de Barrichello (323).

 

Veja também

Eslovênia acusa comitê organizador do Mundial de Handebol de servir comida estragada
Handebol

Eslovênia acusa comitê organizador do Mundial de Handebol de servir comida estragada

Com 21% de chance de queda, Sport encara sequência que lhe deu apenas quatro pontos no 1º turno
Sport

Com 21% de chance de queda, Sport encara sequência que lhe deu apenas quatro pontos no 1º turno