'O mais importante é vencer', diz Milton Mendes

Técnico comemorou resultado no Maranhão e frisou que jogar bem é algo que será construído aos poucos

Milton Mendes, técnico do Santa CruzMilton Mendes, técnico do Santa Cruz - Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco

A vitória do Santa Cruz em cima do Imperatriz/MA por 1x0, no sábado (1º), pela sexta rodada da Série C do Campeonato Brasileiro, não foi construída com um futebol de encher os olhos. Longe disso. Dudu até marcou um golaço, mas o Tricolor sofreu pressão, teve um pênalti contra já nos minutos finais, passou sufoco. Isso, entretanto, não é algo que incomode o técnico Milton Mendes. Ao menos não nesse momento.

É que o Tricolor abriu a Série C com um empate em casa, com o Treze/PB (2x2), seguido de uma derrota significante diante do Ferroviário/CE (3x0), na casa do adversário. Depois, amargou outros dois empates - 1x1 com o Botafogo/PB, fora, e 3x3 com o Sampaio Corrêa/MA, no Arruda. A situação era complicada e havia uma necessidade urgente de somar mais de um ponto por jogo.

A reação começou justamente após a chegada de Milton Mendes, com duas vitórias seguidas - contra o ABC (2x1), no Arruda, e, agora, contra o Imperatriz/MA, no Maranhão. Resultados que fizeram o time saltar da zona de rebaixamento e ingressar no G4 do Grupo A da Terceirona pela primeira vez. "O mais importante para esse momento era vencer. Jogar bem a gente vai depois. Nossa equipe está em construção, em fase de assimilação do trabalho. Foram dois jogos de sofrimento, porém os meninos têm dado uma boa resposta, mostraram que têm alma, coração e vontade. Estamos honrando as cores do Santa Cruz e estou muito feliz com todos”, disse o treinador, que ressaltou a dificuldade de vencer Imperatriz. "Não são muitas equipes que virão aqui e ganharão, porque é um time bem organizado, com jogadores interessantíssimos. Além do desgaste da viagem, longa, dura. Foram mais de 12 horas."

Vale ressaltar que o Imperatriz não perdia em casa desde o dia 3 de fevereiro do ano passado, quando o São José de Ribamar/MA venceu por 2x1, pelo Campeonato Maranhense. Depois disso, foram 21 partidas, entre duas edições do estadual, Série D, Copa do Brasil e Série C, com 14 vitórias e sete empates. O Tricolor volta a campo pela Série C no próximo domingo (9), às 18h, no Arruda, contra o Confiança/SE. "Agora é dar sequência, muito mais fortes. Queremos seguir pontuando para atingir nosso primeiro objetivo, que é a classificação para o mata-mata", frisou Charles.

Veja também

Chateado, Martelotte se desculpa com o torcedor e lamenta permanência na série C
Santa Cruz

Chateado, Martelotte se desculpa com o torcedor e lamenta permanência na série C

Gestão Constantino Júnior fecha ciclo sem conquistas
Futebol

Gestão Constantino Júnior fecha ciclo sem conquistas