O setor defensivo do Santa em números

Tricolor tem a defesa mais vazada do Brasileirão

Deputado federal Augusto Coutinho (SD-PE) será o líder de seu partido em 2019Deputado federal Augusto Coutinho (SD-PE) será o líder de seu partido em 2019 - Foto: Divulgação

É verdade que o desempenho do Santa Cruz no final do segundo turno tem sido ruim. Muito desta queda de produção em relação à primeira metade do Brasileirão se deve à fragilidade de sua defesa. Mesmo com a dança das cadeiras no comando técnico, o rendimento do setor defensivo tricolor não melhorou. Ao menos é o que mostram os números.

O time coral sofreu 57 gols em 31 jogos na competição, sendo, isoladamente, a defesa mais vazada. O segundo e o terceiro piores times neste quesito, América/MG e Chapecoense, sofreram 50.

Em compensação, por exemplo, a equipe de Chapecó possui o 5º melhor ataque do Brasileirão, com 43 gols marcados, enquanto que o Santa é o 14º com 36. A média de vezes em que os chutes do adversário balançaram as redes tricolores é assustadora: 1,78 gols por jogo.

Outro ponto a se destacar é que quase todas as partidas do clube coral no Brasileirão, a rede balançou. Em 32 rodadas no campeonato, a equipe não tomou gol em apenas cinco jogos. A última vez que o setor defensivo tricolor não foi vencido foi no dia 14 de setembro, contra o Atlético Paranaense, pela 25ª rodada do Brasileirão. O Santa venceu o jogo por 1x0.

Talvez isso possa ser explicado também pela quantidade de combinações diferentes usadas na defesa. Sete jogadores foram utilizados na posição de zagueiro durante o campeonato brasileiro: Luan Peres, Alemão, Allan Vieira, Walter, Wellington, Danny Morais e Néris. Estes dois últimos foram os mais utilizados, atuando juntos em 18 partidas, totalizando 33 gols sofridos.

Com tantas mudanças em busca de um acerto para melhorar o desempenho do Santa, a sintonia perfeita ainda não foi achada no ano de 2016. O ataque também caiu de rendimento, e o meio campo deixa a defesa mais desprotegida. Com a saída de Doriva, muito ainda há de ser arrumado na "casa tricolor", pensando já em 2017.

Fonte das estatísticas: Footstats

Veja também

Governo argentino prorroga velório de Maradona por mais três horas, até as 19h
LUTO

Governo argentino prorroga velório de Maradona por mais três horas, até as 19h

Recém-chegado, Anderson assume titularidade e encanta Hélio dos Anjos: ‘Acima da média’
Náutico

Recém-chegado, Anderson assume titularidade e encanta Hélio dos Anjos: ‘Acima da média’