Odilávio celebra nova oportunidade pelo Náutico

Diante do Afogados, atacante voltou a ser escalado pelo clube e marcou um dos gols da vitória

Odilário marcou um dos gols no jogoOdilário marcou um dos gols no jogo - Foto: Léo Lemos/Náutico

Voltar a jogar pelo Náutico: feito. Voltar a ser titular: feito. Estrear em 2019 com gol: feito. Três objetivos alcançados em um só jogo. A tarde do último domingo (24) foi de muita comemoração para o atacante Odilávio, de 22 anos. Após ficar mais de nove meses sem vestir a camisa do Timbu – nesse intervalo de tempo o atleta passou alguns meses emprestado ao sub-23 do Goiás –, o jogador ganhou sua primeira oportunidade com o técnico Márcio Goiano no ano. E fez bonito. Ao lado de Hereda e Thiago, o prata da casa foi um dos autores dos gols alvirrubros no triunfo por 3x1 ante o Afogados, pelo Campeonato Pernambucano.

“Nenhum atleta gosta de ficar fora dos jogos. Queremos sempre aproveitar as oportunidades para ajudar o clube. Não sou diferente. Todos sabem da minha dedicação e empenho nos treinos. Sabia que uma hora a chance ia chegar e eu soube aproveitá-la. Dedico isso às pessoas que tiveram do meu lado, minha família e minha noiva que me deram forças. (Com o empréstimo) Pude pegar mais rodagem, sair mais de Recife. Voltei preparado ao Náutico para aproveitar as oportunidades”, afirmou.

O próximo desafio do Náutico na temporada será na quarta (27), contra o Salgueiro, nos Aflitos, pelo Campeonato Pernambucano. Duelo que colocará lado a lado os dois melhores ataques do Estadual. O Timbu já balançou as redes 16 vezes, um a menos que o Carcará.

“Os jogos contra o Salgueiro são sempre difíceis. O torcedor pode esperar uma partida bem disputada. Nossa equipe será comprometida tanto na defesa como no ataque. O time é um conjunto. Se o ataque não correr para marcar, a defesa tomará gol. Não podemos colocar só a defesa para evitar os gols e o ataque para marcar. É preciso de uma harmonia para conseguir a vitória”, pontuou.

Leia também:
Com gols de pratas da casa, Náutico derrota Afogados
Goiano ressalta utilização da base em vitória

Veja também

Eslovênia acusa comitê organizador do Mundial de Handebol de servir comida estragada
Handebol

Eslovênia acusa comitê organizador do Mundial de Handebol de servir comida estragada

Com 21% de chance de queda, Sport encara sequência que lhe deu apenas quatro pontos no 1º turno
Sport

Com 21% de chance de queda, Sport encara sequência que lhe deu apenas quatro pontos no 1º turno