Olimpíada de Inverno de 2026 será na Itália

Jogos serão disputados em Milão e Cortina d'Ampezzo

Membros da delegação comemoram a escolhaMembros da delegação comemoram a escolha - Foto: Philippe Lopez/Pool/AFP

As Olimpíadas de Inverno de 2026 serão disputadas em Milão e Cortina d'Ampezzo, após decisão final do Comitê Olímpico Internacional (COI), reunido nesta segunda-feira (24) em Lausana.

A candidatura italiana, que prevê uma cerimônia de abertura em Milão e provas de esqui alpino em Bormio para os homens e em Cortina d'Ampezzo para as mulheres, venceu a disputa contra Estocolmo/Are. Os Jogos de Inverno serão disputados entre 6 e 22 de fevereiro de 2026.

Leia também:
Conheça as modalidades dos Jogos de Inverno
COI descarta Sapporo como sede dos Jogos de Inverno de 2026 após terremoto

A candidatura italiana, que era a favorita e foi defendida em Lausana pelo chefe do governo italiano, Giuseppe Conte, venceu a disputa com 47 votos contra 34 para Estocolmo. Um dos 82 membros votantes do COI se absteve da votação.

Giovanni Malago, presidente do Comitê Olímpico italiano e recentemente eleito membro do COI, será o presidente do Comitê Organizador.

Após a desistência de diversas candidaturas (Calgary, Sion, Schladming e Sapporo) devido à falta de apoio popular e a eliminação da estação turca de Erzurum pelo COI, Milão e Estocolmo eram os últimos dois postulantes ainda na briga.

Antes de 2026, os Jogos Olímpicos de Inverno serão disputados em 2022 em Pequim.

Veja também

Sport e Bahia fazem clássico nordestino de olho em se distanciar do Z4
Futebol

Sport e Bahia fazem clássico nordestino de olho em se distanciar do Z4

Basta um empate: Náutico visita Cruzeiro podendo acabar com risco de queda à Série C
Futebol

Basta um empate: Náutico visita Cruzeiro podendo acabar com risco de queda à Série C