Organizada do Vasco invade treino e cobra jogadores

No momento da invasão dos torcedores, alguns jogadores do Vasco correram para o vestiário com medo de serem agredidos

Momento que a torcida cobra os jogadores mo gramadoMomento que a torcida cobra os jogadores mo gramado - Foto: Reprodução / Twittter

Um grupo de cerca de 50 membros de organizada invadiu o treino do Vasco na manhã desta sexta-feira (4) em São Januário.

O acesso aconteceu pela megaloja do estádio e, por conta da quantidade de pessoas, os funcionários não conseguiram conter o acesso. Os invasores se reuniram com os jogadores no centro do gramado e cobraram postura e garra da equipe.

A reportagem teve a informação de que um dos atletas rebateu a cobrança lembrando das dificuldades que enfrentam no clube desde o ano passado. "Nós colocamos o Vasco na Libertadores mesmo com três meses de salários atrasados", argumentou o jogador.

No momento da invasão, alguns jogadores do Vasco correram para o vestiário com medo de serem agredidos.

Os torcedores presentes no campo também xingaram o presidente do clube, Alexandre Campello, que não se encontrava no momento.

Após a invasão de torcedores, a megaloja foi fechada. A Polícia Militar chegou ao local somente após o episódio, e a organizada deixou São Januário para protestar do lado de fora.

Veja também

Após vitória, auxiliar técnico César Lucena elogia time do Sport: 'Lutou pelo resultado até o fim'
Sport

Após vitória, auxiliar técnico César Lucena elogia time do Sport: 'Lutou pelo resultado até o fim'

Doze grandes clubes europeus lançam 'Superliga' independente da Uefa
Futebol internacional

Doze grandes clubes europeus lançam 'Superliga' independente da Uefa