Organizada protesta no Arruda contra presidente e elenco

O mais criticado pelos torcedores presentes no estádio coral foi o presidente Constantino Júnior

Pela primeira vez na temporada, houve uma cobrança mais forte de parte da torcidaPela primeira vez na temporada, houve uma cobrança mais forte de parte da torcida - Foto: Daniel Lima/Folha de Pernambuco

Pressão dentro e fora de campo no Santa Cruz. No último e único treinamento antes de enfrentar o Treze/PB, nesta segunda-feira (5), no estádio do Arruda, dezenas de membros da maior Torcida Organizada do clube protestaram contra a diretoria, o elenco e o técnico Júnior Rocha. O mais criticado foi o presidente Constantino Júnior. Após dez minutos de ameaças, os torcedores da uniformizada foram retirados das arquibancadas pelos seguranças.

Leia também:
Rocha vê dificuldade para reestruturar Santa: “quebrado”
'Puxão de orelha' necessário no Santa Cruz
Santa Cruz cede empate ao Salgueiro e segue sem vencer
De 'estagiário' a presidente, Tininho assume presidência

Pela primeira vez na temporada, houve uma cobrança mais forte de parte da torcida, que se mostra bastante revoltada, principalmente pelo histórico negativo de dois rebaixamentos consecutivos no Campeonato Brasileiro. Nas entrevistas coletivas, inclusive, o técnico Júnior Rocha tem se queixado da pressão maior sobre o atual elenco. 

Apesar de alguns gritos mais ofensivos e de ameça, o protesto foi pacífico. O curioso é que os protestantes apareceram na arquibancada visitante, mas a segurança agiu imediatamente.



Veja também

Sport anuncia line-up de CS:GO
Esports

Sport anuncia line-up de CS:GO

Em nota, CBF rebate Doria e confirma início do Brasileirão em agosto
Futebol

Em nota, CBF rebate Doria e confirma início do Brasileirão em agosto