Palmeiras abre vantagem sobre o Flamengo

Sentir a felicidade em dose dupla é tudo que os clubes que brigam tanto na parte de cima como na de baixo da tabela esperam. Quem viveu essa sensação ontem foi o Palmeiras.

Ana Carolina se apresenta no Teatro Guararapes em setembroAna Carolina se apresenta no Teatro Guararapes em setembro - Foto: Reprodução/Instagram

Na reta final do Brasileirão, tão importante quanto vencer é ver um rival direto tropeçar.

 Sentir a felicidade em dose dupla é tudo que os clubes que brigam tanto na parte de cima como na de baixo da tabela esperam. Quem viveu essa sensação ontem foi o Palmeiras.

Além de derrotar o Figueirense por 2x1, fora de casa, o time comemorou a derrota do Flamengo para o Internacional, pelo mesmo placar, no Beira-Rio. O Alviverde abriu quatro pontos de vantagem para os cariocas na liderança.
Além dessas duas partidas, outras sete marcaram a 31ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Para os mineiros, um dia para ser esquecido. O Cruzeiro ficou apenas no 0x0, no Mineirão, diante da Chapecoense. Já o Atlético/MG foi derrotado por 3x2 para o Botafogo, no Luso-Brasileiro, distanciando-se da briga pelo título. No clássico “Atletiba”, o Atlético/PR venceu o Coritiba por 2x0, no Durival Britto.
Na briga contra o rebaixamento, nada de novidades. Os dois piores times do torneio provaram que não ostentam esse indesejado título à toa. O lanterna América/MG sucumbiu perante o Corinthians, sendo derrotado por 2x0 no Itaquerão. O Santa Cruz, 19º colocado, praticamente cravou seu rebaixamento após o 3x0 sofrido diante da Ponte Preta, no Moisés Lucarelli.
Na Ilha do Retiro, o Sport superou o Vitória por 1x0. Já Santos e Grêmio não saíram do 1x1, na Vila Belmiro. O outro jogo da rodada será realizado hoje, entre Fluminense e São Paulo, às 20h, no Edson Passos.

Veja também

Santa Cruz fecha com Elicarlos e equatoriano Quiñonez
Santa Cruz

Santa Cruz fecha com Elicarlos e equatoriano Quiñonez

Colômbia pode vetar entrada da Seleção Brasileira para jogo das Eliminatórias
Futebol

Colômbia pode vetar entrada do Brasil para jogo das Eliminatórias