Brasileirão

Para reagir na Série A, Sport busca surpreender Atlético/MG, no Mineirão

Leão pode se aproximar da zona de rebaixamento se acumular mais um resultado negativo neste sábado (24)

Preparação do Sport em Belo Horizonte, na Toca da Raposa, CT do CruzeiroPreparação do Sport em Belo Horizonte, na Toca da Raposa, CT do Cruzeiro - Foto: Anderson Stevens / Sport

Neste sábado, às 21h, o Mineirão reserva uma missão ingrata para o Sport, na 18ª rodada do Brasileirão Série A. Com o objetivo de encerrar a incômoda sequência de quatro derrotas consecutivas, os rubro-negros visitam o Atlético Mineiro, invicto em seu mando de campo na competição e atual 3º colocado. A equipe pernambucana pode ficar até um ponto acima do Z4 caso não consiga pontuar novamente e a combinação de resultados dos concorrentes não favorecer. 

O histórico do Leão ante o Galo em Belo Horizonte não é animadora, especialmente dadas as atuais circunstâncias. Foram 26 jogos desde 1975 e, de lá pra cá, o Sport trouxe apenas duas vitórias na bagagem. Uma aconteceu em 1993, pelo Brasileirão, em que o time rubro-negro celebrou o triunfo por 1x0, no Mineirão. Já a última está registrada em 2000, também na Série A e no Gigante da Pampulha, quando o ex-atacante Leonardo assinou cinco gols em uma atuação memorável na goleada de 6x0.

Se é improvável este episódio se repetir, a presença confirmada de alguns nomes permite o Sport projetar um duelo competitivo diante do postulante ao título brasileiro. Um deles é Thiago Neves, liberado para o confronto mesmo com desgaste físico provocado pela sucessão de partidas. É a primeira vez que o meia e os mineiros se encontram depois do jogador estar apalavrado com a diretoria e o acordo desfeito. Quem estava visivelmente exausto nos últimos jogos e também está à disposição é o lateral-direito Patric. 

Isso se deve pela pausa na sequência de jogos, um período em que coincide na queda de produção do Leão da Praça da Bandeira. “Viemos de uma sequência muito pesada. Foram cinco jogos em 15 dias, tivemos dificuldade para recuperar nossos atletas. A gente sabe da importância desse tempo de recuperação maior para que possamos voltar a fazer grandes jogos”, comemorou o técnico Jair Ventura. Por outro lado, o zagueiro Maidana e o volante Marcão cumprem suspensão automática e ficaram no Recife. O lateral-esquerdo Sander e o volante Betinho seguem vetados pelo departamento médico.

Atlético Mineiro

O tropeço do Galo em Salvador, onde foi superado pelo Bahia na rodada passada, reduz significativamente a tolerância para um novo deslize contra outro candidato ao rebaixamento. Mesmo sem problemas por lesão ou suspensão, o técnico Jorge Sampaoli deve promover a saída de quem vive má fase, como o lateral-direito Guga. O meia recém-contratado Matías Zaracho está liberado para estrear e pode ser uma surpresa entre os titulares.

Ficha técnica

Atlético Mineiro
Everson; Guga (Mariano), Réver (Igor Rabello), Junior Alonso e Guilherme Arana; Jair, Alan Franco e Nathan (Zaracho); Savarino, Keno e Eduardo Sasha. Técnico: Jorge Sampaoli

Sport
Luan Polli; Patric, Chico, Adryelson e Luciano Juba (Junior Tavares); Ronaldo Henrique, Ricardinho, Lucas Mugni e Thiago Neves; Marquinhos e Leandro Barcia (Mikael).

Estádio: Mineirão (Belo Horizonte/MG)
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)
Assistentes: Rafael Trombeta e Victor Hugo Imazu dos Santos (ambos PR)
Árbitro de vídeo: Héber Roberto Lopes (SC)
Transmissão: SporTV e Premiere

Veja também

Situação ideal para Jogos de Tóquio é ter torcedores, diz governadora
Olimpíadas

Situação ideal para Jogos de Tóquio é ter torcedores, diz governadora

Referência no judô, Tenório almeja 7ª medalha paraolímpica aos 50
Esportes

Referência no judô, Tenório almeja 7ª medalha paraolímpica aos 50