Esportes

PC Gusmão "impede" Paraíba de ser volante no Santa

Após pedir para atuar na cabeça de área, o meio-campista Carlinhos Paraíba foi escalado como armador por PC Gusmão na partida entre Santa Cruz e ABC/RN, pela Copa do Nordeste

Lances de ABC/RN 1 x 0 Santa CruzLances de ABC/RN 1 x 0 Santa Cruz - Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz

Logo quando chegou ao Santa Cruz, o meio-campista Carlinhos Paraíba pediu para jogar de segundo volante no esquema tático. Mesmo deixando muito claro o desejo de atuar na cabeça de área, o camisa 12 foi escalado no meio de campo pelo técnico PC Gusmão, na derrota para o ABC/RN por 1x0, no estádio Frasqueirão, em Natal, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Nordeste. Após a partida, o treinador explicou o posicionamento do experiente atleta, de 35 anos de idade.

“Carlinhos (Paraíba) é meia de criação. Colocamos ele no primeiro jogo (para atuar como volante) em função de Charles estar chegando. Ele funciona ora como segundo volante, ora como homem mais adiantado”, explicou o PC Gusmão. 

Leia também: 

Santa perde para o ABC e fica em desvantagem no Nordestão

Após derrota do Santa, PC Gusmão lamenta fatores externos  

Tricolores afirmam que dá para reverter prejuízo em casa  

Depois de se destacar na reestreia pelo Santa, na vitória sobre o Atlético/AC por 3x1, no Arruda, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série C, Carlinhos Paraíba teve uma atuação discreta no primeiro mata-mata contra o ABC/RN. 

“O desgaste que ele teve por conta virose o fez sentir principalmente no início do jogo, mas depois conseguiu entrar na partida. Quanto ao posicionamento, vamos encaixando de acordo com que a gente for conversando", pontuou o PC Gusmão na entrevista coletiva pós-jogo. 

Veja também

Fortes chuvas no Recife alteram rotina do Trio de Ferro
Futebol

Fortes chuvas no Recife alteram rotina do Trio de Ferro

"Quando vamos fazer algo?": Steve Kerr, técnico do Warriors, se emocionado após ataque em escola
ESTADOS UNIDOS

"Quando vamos fazer algo?": Steve Kerr, técnico do Warriors, se emocionado após ataque em escola