PC Gusmão não dá coletiva e sua permanência vira mistério

Treinador coral deixou o Arruda sem falar com a imprensa após goleada sofrida diante do ABC/RN. Situação de PC Gusmão fica mais crítica depois de nova derrota

PC Gusmão pediu para não se pronunciar após goleada sofridaPC Gusmão pediu para não se pronunciar após goleada sofrida - Foto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz

A situação de Paulo César Gusmão no Santa Cruz parece mesmo insustentável. Sobretudo com a eliminação do time no Nordestão. Logo após o massacre sofrido pelo Tricolor na noite desta terça-feira, diante do ABC/RN, o técnico, muito criticado pela torcida ao fim do jogo, surpreendentemente, não apareceu para a entrevista coletiva. De acordo com a assessoria de imprensa do clube, PC Gusmão pediu para não se pronunciar e deixou o Arruda sem falar com a imprensa. O vice-presidente de futebol coral, Felipe Rego Barros, preferiu por panos quentes na situação e não confirmou uma possível demissão do comandante.

"Foi uma opção de PC de não falar. Essa é uma derrota que deixa todo mundo triste, abalado. E é preciso transformar isso o quanto antes em motivação, cobrar dos jogadores, tentar buscar nesse elenco. O presidente não mede esforços para estruturar a nossa equipe. E esse resultado nos deixa muito tristes, mas não vamos parar de trabalhar. Nosso grande objetivo, não negamos, é o acesso à Série B. Queremos buscar a classificação entre os primeiros. Sentimos a derrota, mas não vamos deixar isso atrapalhar nossos objetivos", comentou o dirigente, que pregou cautela.

Leia também:
Diretor de futebol pede desligamento do Santa Cruz
PC não se vê pressionado por falta de vitórias e gols

"Toda derrota como essa merece uma reflexão de ambas as partes. Tanto da parte da diretoria, quanto da de Paulo Cesar. Ele é um acara extremamente dedicado, profissional, mas a cultura do futebol exige medidas urgentes. Não é da cultura do Santa Cruz demitir técnico por causa de uma derrota. Temos que respeitar o profissional que está aqui", garantiu Rego Barros.

"Ganha todo mundo, perde todo mundo. Vamos respeitar o momento dele, estudar a situação e dar os passos que temos que dar com tranquilidade, estudo e juntamente com ele. Não é momento para desespero. Confiamos no nosso elenco. Uma equipe da Série A, o Vitória, perdeu por 3x0 para o Sampaio Corrêa. Esses pontos fora da curva acontecem no futebol."

O vice de futebol garantiu ações enérgicas por parte do clube, mas rasgou elogios à carreira de PC. "Em outras situações o Santa Cruz soube juntar os seus cacos, os seus profissionais e buscou soluções aqui dentro. Não vamos tirar o peso dessa derrota. Vamos exigir mudanças de atitude, mas não avalio que a situação dele seja de risco. É um profissional gabaritado, rodado, experiente. Vamos buscar um entendimento e procurar essa saída construída em grupo, com atletas, comissão técnica, diretoria e torcedor. E o torcedor pode ter certeza que a diretoria não vai pecar por falta de ação", concluiu. 

Veja também

Vorax e paiN Gaming decidem título do CBLoL neste domingo (18)
Tecnologia e games

Vorax e paiN Gaming decidem título do CBLoL neste domingo (18)

Independiente Del Valle elimina Grêmio e vai à fase de grupos da Libertadores
Futebol

Independiente Del Valle elimina Grêmio e vai à fase de grupos da Libertadores