Pernambucano Lucas Carvalho é bronze na Espanha

Mesatenista do Estado subiu ao pódio da categoria Sub-23, mesmo tendo idade de Sub-18. Agora, competirá na Adulto

Lucas Carvalho, mesatenista pernambucanoLucas Carvalho, mesatenista pernambucano - Foto: Arquivo Pessoal

O pernambucano Lucas Carvalho, de 17 anos, voltará com um souvenir mais do que especial da sua primeira experiência profissional na Europa. Na manhã desta quinta-feira (8), ele conquistou a medalha de bronze no torneio individual Sub-23 (Juniores) da Classe 10 do Aberto de Tênis de Mesa Paralímpico da Espanha, que integra o Circuito Mundial da modalidade, com fator 20 de pontuação.

Lucas, que chegou à semifinal após passar com 100% de aproveitamento pela fase de grupos, fez um duelo extremamente equilibrado contra o espanhol Edgar Mataro, mas acabou superado por 3 sets a 2 (9/11, 11/5, 10/12, 13/11 e 11/6). Lucas chegou a vencer o duelo por 2 sets a 1 e teve o match point na quarta parcial, mas sofreu a virada e acabou não se recuperando no tie-break. O campeão da categoria foi o tailandês Bunpot Sillapakong, que venceu Mataro na decisão por 3 sets a 0 (12/10, 11/9 e 11/5).

Na fase de grupos, Lucas esteve no Grupo B e estreou com vitória por 3 sets a 0 (11/9; 11/8 e 11/7) sobre Master Punkaew, da Tailândia. Depois, encarou Kevin Jose Rios, de Porto Rico, e triunfou por 3 sets a 1 (6/11; 11/7; 11/4 e 12/10). No último confronto, teve pela frente o espanhol Marlon Lopez e voltou a vencer por 3 sets a 0 (11/6; 11/4 e 11/2).

O terceiro lugar, em uma categoria acima da sua faixa etária, reforça a qualidade do pernambucano, que desponta como uma das promessas da nova geração nacional. Lucas, até agora, obteve medalhas em todos os eventos internacionais nos quais participou. No ano passado, em sua estreia fora do País, conquistou duas pratas na Copa Tango, etapa argentina do Circuito Mundial, também com fator 20. Neste ano, faturou o bronze Por Equipes nos Jogos Parapan-Americanos de Jovens e, agora, o bronze na Espanha.

Nesta sexta-feira (9), ele encara o torneio individual Adulto no Aberto da Espanha. Dessa vez, além dele, o Brasil estará representado por Catia Oliveira, na Classe 2, Joyce Oliveira e Ecildo Oliveira, ambos na Classe 4.

Veja também

Eslovênia acusa comitê organizador do Mundial de Handebol de servir comida estragada
Handebol

Eslovênia acusa comitê organizador do Mundial de Handebol de servir comida estragada

Com 21% de chance de queda, Sport encara sequência que lhe deu apenas quatro pontos no 1º turno
Sport

Com 21% de chance de queda, Sport encara sequência que lhe deu apenas quatro pontos no 1º turno