Futebol

Polícia Militar revoga a proibição de rádios de pilha nos estádios de Pernambuco

Instrumentos musicais e bandeiras seguem proibidos

Torcedor do Náutico com rádio de pilha na arquibancadaTorcedor do Náutico com rádio de pilha na arquibancada - Foto: Tiago Caldas/CNC

Após a proibição surpreendente, a Polícia Militar de Pernambuco revogou a decisão e a partir desta sexta-feira (29) o rádio de pilha foi liberado novamente nos estádios de Pernambuco. Outros objetos como bandeiras e instrumentos musicais seguem proibidos. 

Segundo a PM, a proibição fazia parte de um normativo que funciona desde a inauguração da Arena de Pernambuco em 2013, que restringe a entrada de objetos que possam ser utilizados como armas ou arremessados pelos torcedores em momentos de confronto.

Os rádios tinham sido nomeados como um desses objetos para facilitar o trabalho de identificação após um longo período sem público. No entanto, a proibição específica do rádio não está mais valendo. "Com relação aos rádios não haverá restrições”, disse em Nota.

Confira a Nota da Polícia Militar na íntegra:

A PMPE observa um normativo desde 2013, com a inauguração da Arena e realização da Copa das Confederações, que restringe a entrada nos estádios de objetos que possam ser utilizados como armas ou arremessados pelos torcedores em momentos de confronto. Definir exatamente quais são esses objetos fica pela interpretação da autoridade policial. Pernambuco voltou recentemente a permitir a entrada de torcedores nos estádios com a flexibilização das regras de enfrentamento da pandemia. Foram nominados alguns objetos para facilitar o trabalho de quem realiza o controle de acesso. Entre esses objetos figurou o rádio de pilha. Nós estamos suspendendo esse entendimento para reavaliação e com relação aos rádios não haverá restrições. Demais objetos como hastes de bandeira e instrumentos musicais permanecem proibidos.
 

Veja também

Náutico terá pela frente o Grêmio, dono da melhor defesa da Série B
Futebol

Náutico terá pela frente o Grêmio, dono da melhor defesa da Série B

Após vistoria, Ilha do Retiro é liberada para receber até 19 mil torcedores
Futebol

Após vistoria, Ilha do Retiro é liberada para receber até 19 mil torcedores