A-A+

Pré-Olímpico Sul-Americano de Futebol começa neste sábado

Campeã na Rio-2016, a seleção brasileira estreia contra o Peru, na noite do domingo (19)

Ricardo Graça, zagueiro do Vasco, foi o último a ser convocadoRicardo Graça, zagueiro do Vasco, foi o último a ser convocado - Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

A seleção brasileira sub-23 começa neste domingo (19) sua jornada em busca da vaga olímpica. A estreia no Pré-Olímpico Sul-Americano, que acontece na Colômbia, é contra o Peru, às 22h30. O torneio, no entanto, tem início neste sábado (18) e segue até 9 de fevereiro.

Atual campeã olímpica – o ouro foi conquistado pela primeira vez na edição de 2016, no Rio de Janeiro – a seleção brasileira está no Grupo B que, além do Peru, tem ainda Uruguai, Bolívia e Paraguai. No Grupo A estão Argentina, Chile, Colômbia, Equador e Venezuela. Os dois melhores de cada chave avançam para o quadrangular final, e apenas o campeão e o vice vão carimbar o passaporte para os Jogos de Tóquio.

Os jogos deste sábado são Equador x Chile, às 20h, e Colômbia x Argentina, às 22h30. No domingo, antes do jogo do Brasil, tem Uruguai x Paraguai, às 20h. Os jogos terão transmissão do canal SporTV 2. 

Elenco
O último a integrar a equipe brasileira foi o zagueiro Ricardo Graça, convocado na noite de quinta-feira (16) pelo técnico André Jardine. Ele vai substituir o jogador Walce, do São Paulo, cortado na última segunda (13) devido a uma grave lesão (ruptura no ligamento cruzado do joelho esquerdo). O jogador se machucou sozinho, durante um amistoso no domingo passado (12) contra o Boavista, e terá de passar por cirurgia.

Convocados:
Goleiros:
Cleiton (Atlético-MG), Ivan (Ponte Preta) e Phelipe (Grêmio).

Laterais-direitos: Dodô (Shakhtar Donetsk-Ucrânia) e Guga (Atlético-MG).

Laterais-esquerdos: Iago (Augsburg-Alemanha) e Caio Henrique (Fluminense).

Zagueiros: Nino (Fluminense), Bruno Fuchs (Internacional), Robson Bambu (Athletico-PR) e Ricardo Graça (Vasco).

Meio-campistas: Bruno Guimarães (Athletico-PR), Maycon (Shakhtar Donetsk-Ucrânia), Igor Gomes (São Paulo), Matheus Henrique (Grêmio), Reinier (Flamengo) e Bruno Tabata (Portimonense- Portugal).

Atacantes: Antony (São Paulo), Pepê (Grêmio), Matheus Cunha (RB Leipzig-Alemanhã), Paulinho (Bayer Leverkusen-Alemanha), Pedrinho (Corinthians) e Yuri Alberto (Santos).

Veja também

Série D define dois últimos clubes que subirão à Série C de 2022
Futebol

Série D define dois últimos clubes que subirão à Série C de 2022

Dá, sim, para acreditar no acesso, Timbu!
Que Golaço!

Dá, sim, para acreditar no acesso, Timbu!