Premiado pela confiança e a sequência como titular

Igor Rabello estreou pelo Timbu apenas em agosto, na vitória por 2x0 sobre o Vila Nova/GO, em Goiânia.

Tio Bruninho, cantor Tio Bruninho, cantor  - Foto: Divulgação

 

Anunciado pelo Náutico no dia 20 de maio para reforçar o setor defensivo, Igor Rabello chegou ao clube sob pouca expectativa. Afinal, o time já tinha a dupla de zaga titular e praticamente intocável formada Rafael Pereira e Ronaldo Alves, além de ter Fabiano Eller, Eduardo e Léo Pereira no elenco. Porém, aos poucos, o destino abriu os caminhos para o jovem atleta revelado pelo Botafogo.

Ronaldo Alves se transferiu para o Sport, Fabiano Eller foi emprestado ao Joinville, Eduardo voltou ao Internacional e Adalberto, contratado para o returno da Série B, se machucou. Tudo conspirou para que a última opção para a defesa tivesse uma chance na equipe e aproveitasse muito bem, com grandes atuações. O prêmio é a confiança do técnico Givanildo Oliveira e a sequência como titular.

Igor Rabello estreou pelo Timbu apenas em agosto, na vitória por 2x0 sobre o Vila Nova/GO, em Goiânia. Ali, deu seu cartão de visitas e mostrou que tinha potencial para ajudar a equipe na briga pelo acesso. Em sua segunda partida, marcou um dos gols alvirrubros na derrota para o Sampaio Corrêa por 4x3, no Castelão. Aquele duelo decretou o fim da passagem do técnico Alexandre Gallo pelo Náutico, que o havia indicado.

Mas foi com Givanildo Oliveira que o zagueiro conseguiu se firmar como uma das peças importantes. Entrou no segundo tempo do jogo diante do Paraná e não perdeu mais a condição de titular. Ao lado de Rafael Pereira, Igor Rabello manteve a solidez do setor defensivo alvirrubro e já acumula cinco partidas seguidas como titular. 

Consolidando a melhor fase da carreira do atleta de apenas 21 anos. “Quando vim para cá tinha muitos zagueiros. Sabia que seria difícil, já tinha Fabiano (Eller) e Ronaldo (Alves) como titulares, mas foquei em trabalhar. Para quando o professor precisasse, na época o Gallo, me apresentar da melhor forma. O destino acabou ajudando nessa oportunidade. E agora estou na melhor fase da minha carreira, até porque no Botafogo não tive muitas chances”, contou o defensor.

A seriedade em campo é a principal característica de Igor Rabello. Sem espaço para brincadeiras, o jogador chega firme nos lances. No entanto, ele ainda quer mostrar mais do seu potencial aos torcedores. A sequência de jogos na reta final da Série B vai contribuir para a evolução pretendida. 

“Acho que posso apresentar algo a mais. Sou um cara que faço muitos gols. Foi assim na base, mas aqui ainda não estou conseguindo. Fiz apenas um. Porém, com o tempo - porque essa foi apenas minha oitava partida pelo Náutico - vou me soltar mais. Mas os torcedores podem ter certeza de que vão ver em campo um jogador com muita seriedade e vontade de vencer”, garantiu.

O zagueiro pertence ao Botafogo até o final de 2017 e tem vínculo com o Timbu até dezembro deste ano. Em curto prazo, o futuro ainda é incerto sobre o clube que atuará na próxima temporada. Para o período mais à frente, mesmo ainda no início da carreira, Igor Rabello já se prepara para quando abandonar os gramados. 

“Me formei em Educação Física, em licenciatura, no final do ano. Em fevereiro, comecei o bacharelado. Tinha que fazer mais três períodos para fechar tudo no curso. Mas tive de trancar e estou focado aqui no Náutico”, revelou.

Na contramão da maioria dos profissionais do futebol, o defensor serve como exemplo para outros atletas. Foi assim no Botafogo e também no Náutico. “Já conversei com os mais velhos e mais novos também. No Botafogo, deu uma repercussão grande quando me formei. O próprio clube queria fazer palestras comigo porque serve de lição para os jovens. Tem que pensar fora de campo. No Náutico, tem Cal (volante da base) que faz fisioterapia e é um cara dedicado. Faz faculdade à noite, assim como eu fiz, porque é o melhor horário pra gente por causa dos jogos”, finalizou Igor Rabello.

 

Veja também

Bottas supera Hamilton e é pole position em GP em Imola
F1

Bottas supera Hamilton e é pole position em GP em Imola

Mundial de LoL 2020: DAMWON bate Suning e conquista o título
Esports

Mundial de LoL 2020: DAMWON bate Suning e conquista o título