Presidente e dirigente do PSG visitam Neymar no Brasil

Esta visita é realizada depois dos rumores sobre o futuro do craque após eliminação do time da Liga dos Campeões

Presidente do Paris Saint-Germain, Nasser Al-Khelaifi,Presidente do Paris Saint-Germain, Nasser Al-Khelaifi, - Foto: AFP/divulgação

O presidente do Paris Saint-Germain, Nasser Al-Khelaifi, e o diretor esportivo, Antero Henrique, viajaram para o Brasil para visitar o atacante Neymar, que se recupera de lesão no pé direito, segundo informações do canal TF1 e do jornal Le Parisien nesta segunda-feira.

Leia também:
Relembre os memes da cirurgia do atacante Neymar
Preparador físico vê 'lado bom' em lesão de Neymar
Dono do PSG virá ao Brasil para convencer Neymar a ficar
Jornal diz que PSG vive incerteza com Neymar

Contactado pela AFP, o clube não confirmou nem desmentiu a informação publicada por estes veículos, segundo a qual os dois dirigentes visitarão a fundação criada por Neymar e seu pai para auxiliar os jovens desfavorecidos de Praia Grande, no estado de São Paulo.

Depois, visitarão o próprio jogador, que se recupera de sua recente operação em Mangaratiba, na costa-verde do Rio de Janeiro.

Esta visita é realizada depois dos rumores sobre o futuro do craque brasileiro no PSG, já que o time da capital francesa foi eliminado pelo Real Madrid nas oitavas de final da Liga dos Campeões. A imprensa espanhola especula uma possível ida do camisa 10 ao clube merengue.

Neymar se machucou no dia 25 de fevereiro, contra o Olympique de Marselha, e acabou ficando de fora da partida de volta contra o Real.

No início de março, Neymar foi operado da fratura do quinto metatarso do pé direito pelo médico da seleção, Rodrigo Lasmar.

O objetivo do jogador é se recuperar bem para a Copa do Mundo da Rússia, disputada entre os dias 14 de junho e 15 de julho.

Veja também

Com Simões suspenso, Kevyn deve ser titular contra o Cruzeiro
Futebol

Com Simões suspenso, Kevyn deve ser titular contra o Cruzeiro

Sport está liberado para inscrever novos atletas
Futebol

Sport está liberado para inscrever novos atletas