Tóquio 2021

Primeiro evento-teste dos Jogos Olímpicos deve ser adiado por pandemia

Evento é ameaçado por fechamento de fronteiras do Japão, que tenta conter o vírus

Apoio popular caiu drasticamente nos últimos meses, e adiamento das Olimpíadas parece estar próximoApoio popular caiu drasticamente nos últimos meses, e adiamento das Olimpíadas parece estar próximo - Foto: Philip Fong/AFP

O primeiro evento-teste do ano antes dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 pode ser adiado, devido a restrições sanitárias no Japão - informou a imprensa japonesa nesta quarta-feira (27).

A celebração da prova artística de natação, marcada para acontecer entre 4 e 7 de março, pode ser adiada para abril, ou maio, segundo diversos jornais.

Essa prova, a primeira a contar com medidas sanitárias contra covid-19, também deve servir como um torneio de classificação olímpica e reunir nadadores de dez países. 

Diante do agravamento da pandemia, o Japão decretou estado de emergência até 7 de fevereiro em Tóquio e em outros dez departamentos. Também proibiu a entrada nestes territórios de estrangeiros não residentes. 

A isenção concedida aos atletas para treinarem no Japão por ocasião dos Jogos Olímpicos programados para julho foi suspensa em meados de janeiro.

A Federação Internacional de Natação (FINA) e a federação japonesa desse esporte entenderam que essas restrições tornariam a organização do evento muito difícil, ainda segundo diferentes meios de comunicação. 

Nenhuma dessas federações estava disponível, de imediato, para reagir a esta informação. O comitê organizador de Tóquio 2020 se limitou a afirmar que "não comentaria rumores".

Veja também

Ministério Público vai recomendar suspensão do futebol no Brasil
Futebol

Ministério Público vai recomendar suspensão do futebol no Brasil

De volta ao Náutico, Luiz Henrique lamenta poucas oportunidades em Portugal
Futebol

De volta ao Náutico, Luiz Henrique lamenta poucas oportunidades em Portugal