Santa Cruz

Renovação de Felipe Simplício com o Santa está em aberto; executivo de futebol evita comentar

Nei Pandolfo disse que o clube acreditar estar dentro do patamar para o pagamento do atleta. Simplício tem vínculo com o clube até setembro

Felipe Simplício, meia-atacante do Santa CruzFelipe Simplício, meia-atacante do Santa Cruz - Foto: Rafael Melo/SCFC

O que antes parecia resolvido, ganhou novo desfecho nos últimos dias: a renovação contratual de Felipe Simplício com o Santa Cruz segue em aberto. Os representantes do meia-atacante de 18 anos, alçado ao elenco principal no início do ano, após ter agradado o técnico Itamar Schuller, vêm tendo dificuldades para dar andamento à extensão de vínculo do atleta com a Cobra Coral. O contrato de Felipe Simplício com o Tricolor vai até setembro.

De acordo com apurações da Folha de Pernambuco, mesmo atuando pelo profissional desde o início da temporada, Felipe Simplício continua a receber salário equivalente ao de um garoto das categorias de base. Uma fonte ligada ao jogador, contou que o clube, inclusive, tem uma quantia em aberto com o meia, o que seria o motivo maior para a renovação de contrato ainda não ter saído. 
 

“O Santa Cruz está dizendo que está encaminhado, não está. O Santa Cruz quer renovar o contrato, mas quando se fala em renovação, fala-se também em valorização. A situação atual de renovação de Cabeleira com o Santa está em andamento, não mais que isso. Pode ser 50% para não, 50% para sim”. 

“O Santa Cruz deve um dinheiro para o Cabeleira, que ganha bem baixo, ganha ainda um salário de base. Não é um valor absurdo. É só o Santa pagar para começar a pensar em renovar. Tem que primeiro acertar o que deve para depois pensar em renovar. Paga o que deve ao menino e coloca um salário condizente ao de um jogador de futebol”.

Ainda segundo a apuração da reportagem, o meia-atacante recebeu propostas e sondagens de clubes das Séries A e B. O contrato do meia com o Santa termina em setembro, mas o atleta já está apto a assinar um pré-contrato com outra equipe e, caso o Santa Cruz não corra a tempo para finalizar o acerto, o jogador pode ser transferido para outro clube a custo zero, após o término do vínculo. Ou seja, a Cobra Coral não levaria nenhum percentual sobre a negociação.

Em contato com a Folha em maio, Pandolfo havia dito que o vínculo do jogador seria estendido até 2022, enfatizando que a renovação de contrato já estava acertada com o agente do atleta, Fábio Braga. Na ocasião, ainda segundo o executivo de futebol do Santa, o contrato ainda não havia sido assinado por Simplício em decorrência da interrupção das atividades na Federação Pernambucana de Futebol (FPF), em meio à pandemia do novo coronavírus. No mesmo período, Felipe participou de uma live com o Fora de Campo, e confirmou a versão do dirigente, ao sinalizar que o processo para a sua permanência no Arruda estava bem encaminhado junto ao seu agente, ao passo em que acentuou o desejo de renovar com o Santa.

Nesta sexta-feira (10), a reportagem voltou a falar com Nei Pandolfo sobre o assunto, mas o dirigente preferiu não entrar em detalhes sobre a questão, ressaltando que o clube está dentro do patamar salarial pretendido em contrato. 

“Eu não vou dar detalhes de negociação pela imprensa. Já foi exposto pelo representante e eu não quero fomentar mais isso. Temos um caminho a seguir, a gente acha que já está dentro dos nosso patamar para pagamento. Eu não vou entrar nessa discussão”, declarou. 

No elenco principal, Felipe Simplício soma três partidas pelo Santa, contra ABC, Freipaulistano e Decisão Bonito, e não anotou gols.

Veja também

Organizadores confirmam realização da Maratona de Londres apenas com elite
Futebol

Organizadores confirmam realização da Maratona de Londres apenas com elite

Times vetam cinco substituições para próxima temporada do Campeonato Inglês
Futebol

Times vetam cinco substituições para próxima temporada do Campeonato Inglês