Futebol

Rhaldney avalia como positivo tempo maior de treino

Náutico só entrará em campo no dia 29 de setembro, diante do Cuiabá, pela Série B do Campeonato Brasileiro 2020

Rhaldney, volante do NáuticoRhaldney, volante do Náutico - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

Com a parada de quatro meses por conta da pandemia do novo coronavírus, o calendário do futebol brasileiro ficou ainda mais apertado que o normal. No retorno aos gramados, os clubes estavam cientes de que teriam pouco tempo de descanso entre um compromisso e outro. Por isso, quando a tabela dá uma folga, os jogadores e técnicos procuram aproveitar ao máximo para aprimorar o condicionamento físico e corrigir erros. Esse é o caso do Náutico. Sem jogos no meio de semana, o Timbu focou nos trabalhos para se preparar de olho no confronto do dia 29 de setembro, contra o Cuiabá, na Arena Pantanal, pela Série B do Campeonato Brasileiro 2020. 

“Quando o jogo é dia de quarta e sábado, não temos tanto tempo para trabalhar taticamente, ficando quase 24 horas de repouso após os jogos. Esses dias ajudaram muito a gente. Uma equipe bem treinada é difícil de oscilar. Precisamos manter essa pegada para crescer ainda mais”, afirmou o volante Rhaldney.“Jogador quer jogar sempre, mas é importante o treinamento. Time que treina bem, joga bem. Esse tempo é bom para a parte física e tática, fazendo nosso time melhorar ainda mais”, completou. 

Para o jogo contra o Cuiabá, o Náutico não terá a presença do principal jogador do clube na temporada, o meia Jean Carlos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Para substituí-lo, o técnico Gilson Kleina pode escalar o recém-contratado Ruy, que veio do Coritiba, ou acionar peças que já estão no elenco, casos de Matheus Trindade ou Djavan, deixando o time com três volantes. Uma alternativa também seria deixar o Timbu mais ofensivo, adicionando mais um atacante. Nesse caso, Dadá ou Thiago poderiam ser escolhidos.

“Jean Carlos é um jogador importante na nossa equipe. Faz a diferença. Infelizmente, ele não poderá jogar, mas temos um elenco forte e, quem o professor optar, vai fazer um grande jogo. Vamos para o Mato Grosso para jogar. Sabemos dos pontos bons do Cuiabá, mas temos os nossos objetivos. O foco é no trabalho para chegar lá e fazer um grande jogo”, apontou.

Jogo-treino

Em jogo-treino, o Náutico bateu o Íbis por 3x0, com gols de Jorge Henrique, Salatiel e Lucas Paraíba.

 

Veja também

Andrés diz que o goleiro Cássio fica no Corinthians
Futebol

Andrés diz que o goleiro Cássio fica no Corinthians

Experimentar ou repetir? Martelotte se vê cercado de opções
Santa Cruz

Experimentar ou repetir? Martelotte se vê cercado de opções