Roberto Fernandes admite situação difícil no Nordestão

Nas contas do técnico, Timbu precisa vencer os três jogos finais pelo Grupo C para avançar de fase no regional

Técnico lamentou ausência de WallaceTécnico lamentou ausência de Wallace - Foto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco

A derrota por 2x1 para o Bahia, na Arena Fonte Nova, complicou a vida do Náutico na Copa do Nordeste. Com o resultado, o Timbu permaneceu na terceira posição do Grupo C, com apenas um ponto, atrás do Tricolor de Aço (6) e Botafogo/PB (9). Mesmo sem jogar a toalha, o técnico Roberto Fernandes admitiu que a situação dos pernambucanos no torneio não está nada boa.

"Restam três jogos. Se empatarmos o próximo, eu não acredito mais. Se ganharmos, nós estaremos vivos e vamos para o jogo do Botafogo/PB para ver o que acontece. É difícil, mas eu também não morro de véspera", afirmou o treinador, citando a maratona de jogos e competições para argumentar a irregularidade no desempenho do time.

"Quem quer muito, traz de casa ou fica sem nada. Temos o menor orçamento dos últimos 10 anos, partimos da estaca zero e estamos disputando as competições. Se chegarmos nas finais das três (Copa do Nordeste, Campeonato Pernambucano e Copa do Brasil), tenho que ir no mínimo como auxiliar de Tite (técnico da Seleção Brasileira)", completou.

Sobre o confronto diante do Tricolor de Aço, Roberto viu equilibrou entre os times, mesmo existindo disparidade técnica.

"O Náutico fez um jogo equilibrado contra o Bahia. Se compararmos a diferença do momento dos dois times, nós podemos ver que isso não foi retratado em campo. Antes do gol do Bahia, tivemos três oportunidades. Mas o detalhe fez a diferença. Jogamos fora de casa e sofremos o gol em um contra-ataque", lamentou. ""Existe diferença grande entre Bahia e Náutico. Um está na Série A, com um jogador que pode pagar nossa folha inteira. Já nós estamos nos reestruturando. Para buscar o resultado positivo, somente com superação. O Bahia, se não foi o adversário mais qualificado que enfrentamos, foi um dos dois mais. Mas se tivéssemos ficado mais atentos ao detalhe, poderíamos pelo menos ter conseguido o empate", sentenciou.

Veja também

Florentín destaca entrega do time e agradece apoio da torcida contra o FlamengoSport

Florentín destaca entrega do time e agradece apoio da torcida contra o Flamengo

Em jogo animado, Sport fica no empate com o Flamengo na ArenaCampeonato Brasileiro

Em jogo animado, Sport fica no empate com o Flamengo na Arena