Rocha vê dificuldade para reestruturar Santa: “quebrado”

Técnico coral demonstra confiança no trabalho da diretoria, mas se assusta com realidade no Arruda

Júnior Rocha ao lado da diretoria do Santa em sua apresentação oficialJúnior Rocha ao lado da diretoria do Santa em sua apresentação oficial - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Reconstrução é uma palavra utilizada com frequência pelo técnico Júnior Rocha em suas entrevistas coletivas. Ciente do momento crítico do Santa Cruz financeiramente desde que topou o desafio de dirigi-lo, o treinador tricolor deu uma declaração mais forte após o empate em 1x1 com o Salgueiro, no estádio Cornélio de Barros, pela 5ª rodada do Campeonato Pernambucano. Ele comentou que a atual diretoria pegou o clube quebrado pelos rebaixamentos consecutivos no Brasileiro, mas esqueceu que há membros de gestões anteriores no presente.

“Não é fácil reconstruir. Os caras estão fazendo um esforço danado para cumprir com as obrigações. Não posso falar algumas coisas aqui, mas (a direção) pegou o clube quebrado. Temos que ir com calma”, disse.

Por tudo que o Santa passou, principalmente nos dois últimos anos, o técnico Júnior Rocha já pediu em várias ocasiões paciência à torcida mesmo reconhecendo o desgaste natural pelo baque no cenário nacional. Inclusive, entende a cobrança maior. “Precisamos de tranquilidade. Não é fácil reconstruir do zero, em termos até de finanças. Todo mundo queria ter um elenco maior, com mais opções”, declarou.

Além de citar várias vezes a situação orçamentária como uma dificuldade, o treinador já afirmou, anteriormente, que o elenco montado para esta temporada está sofrendo uma pressão grande por conta dos descensos no passado recente.

Veja também

Hamilton consegue sua primeira vitória da temporada no GP da Estíria
Fórmula 1

Hamilton consegue sua primeira vitória da temporada no GP da Estíria

Secretaria de Saúde cancela clássico catarinense por risco de contágio
Campeonato Catarinense

Secretaria de Saúde cancela clássico catarinense por risco de contágio