Roger está surpreso por desempenho, mas não por vitórias

Técnico xeplicou que o calendário achatado por conta da Copa do Mundo atrapalha desenvolvimento

Róger, técnico do PalmeirasRóger, técnico do Palmeiras - Foto: Divulgação

Roger Machado iniciou a temporada do Palmeiras com cinco vitórias em cinco jogos, o que significa o melhor início de um treinador em 40 anos. Para o comandante, porém, o que gera surpresa é o desempenho e não os resultados. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira (9), véspera da partida contra o Mirassol, ele explicou que o calendário achatado por conta da Copa do Mundo atrapalha bastante o desenvolvimento do grupo.

"A gente sempre pensa em um começo bom para ter tranquilidade para trabalhar. Não me surpreende ter esses resultados pelo material humano e pelo interesse de que as coisas aconteçam. A surpresa fica por conta de termos feito a estreia 12 dias depois do trabalho e aliando desempenho e resultado. No início do ano, isso, às vezes, fica descolado. Mas quando as duas coisas acontecem, surpreende um pouco mais", afirmou.

Roger disse que usa números e recordes para motivar seus atletas e já pensa em como continuar 100% neste sábado. No treino, ele ensaiou uma equipe com Michel Bastos entre os titulares. Se vencer, o técnico se aproxima de uma marca que conseguiu no Atlético-MG em 2017: nove vitórias consecutivas no Estadual. Ele lembra da sequência, mas traça diferença com a sua atual.

"Houve, sim, a sequência de vitórias. Mas foi uma sequência com resultado positivo e um desempenho abaixo do ideal. Depois, as duas questões se alinharam novamente. Então, para mim, o começo de ano e de qualquer trabalho é importante. É importante passar confiança não só ao jogador, para quem avalia o trabalho, e ao torcedor. Acredito que esse início bom nos dá tranquilidade de trabalhar bem e melhorar a cada jogo", completou.

Veja também

Após parada cardíaca, Eriksen volta aos treinos na DinamarcaFutebol Internacional

Após parada cardíaca, Eriksen volta aos treinos na Dinamarca

Vinte jogos sem marcar gols só podia acabar em rebaixamento, né, Leão?!Que Golaço

Vinte jogos sem marcar gols só podia acabar em rebaixamento, né, Leão?!