Roger Federer anuncia que disputará as Olimpíadas

Prata em 2012 e ouro nas duplas em 2008, o suiço vai em busca do único título que ainda não tem na carreira

Suíço Roger Federer é multicampeão no tênisSuíço Roger Federer é multicampeão no tênis - Foto: Julian Finney/Getty Images North America/AFP

O suíço Roger Federer anunciou nesta segunda-feira (14) que disputará os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, com a esperança de conquistar uma medalha de ouro no torneio de simples, único título de prestígio que falta em sua vitoriosa carreira.

"Eu conversei com minha equipe durante várias semanas, vários meses, em relação ao que eu deveria fazer no verão de 2020, após Wimbledon e antes do US Open. No fim, meu coração meu disse para disputar os Jogos Olímpicos novamente", declarou durante evento de um patrocinador.

Leia também:
Djokovic e Federer são eliminados no Masters 1000 de Xangai
Nadal na cola de Federer por recorde de Grand Slams
Djokovic usa velocidade para superar Federer e Nadal


A lenda suíça, de 38 anos, ganhou o ouro olímpico nas duplas ao lado de Stan Wawrinka em Pequim-2008 e a prata em simples em Londres-2012, onde perdeu a final para Andy Murray. Federer não participou dos Jogos do Rio-2016.

Atual número três do mundo, Federer tem o recorde de semanas na liderança do ranking (310), assim como o recorde de título de Grand Slam (20). Seus grandes rivais nesta era dourada do tênis, Novak Djokovic e Rafael Nadal, já anunciaram que têm a intenção de estar na capital japonesa para os Jogos Olímpicos no ano que vem.

Veja também

São Bento tem surto de Covid e terá de escalar goleiro na linha pela Série C
Futebol

São Bento tem surto de Covid e terá de escalar goleiro na linha pela Série C

Após domínio no clássico, 'entusiasmo' é celebrado no Sport para sequência na Série A2
Futebol Feminino

Após domínio no clássico, 'entusiasmo' é celebrado no Sport para sequência na Série A2