Futebol Internacional

Roma anuncia contratação do técnico José Mourinho

O experiente técnico português assume a equipe italiana após o fim da temporada, quando encerra o contrato do também português Paulo Fonseca

Foto: ADRIAN DENNIS / AFP

Leia também

• José Mourinho é demitido do Tottenham após tropeços no Inglês

• United goleia Roma na ida e fica perto da final da Europa League

A Roma anunciou nesta terça-feira (4) que contratou José Mourinho para ser o seu novo treinador na temporada 2021-22. O contrato com o técnico português vai até 30 de junho de 2024.

O anúncio foi feito pelo clube nas redes sociais cerca de três horas após um comunicado informando a saída de Paulo Fonseca do comando técnico.

"O clube tem o prazer de anunciar que chegou a um acordo com José Mourinho para que ele se torne nosso novo treinador antes da temporada 2021-22", diz o post.

"Após reuniões com os proprietários, compreendi imediatamente suas ambições para a Roma. Juntos, queremos construir um projeto vencedor. A incrível paixão dos fãs me convenceu a aceitar o trabalho. Mal posso esperar para começar a próxima temporada. Daje Roma!", disse o novo treinador.

Mourinho foi demitido do Tottenham no dia 19 de abril. O anúncio aconteceu após três tropeços seguidos do clube de Londres no Campeonato Inglês, diante de Newcastle (empate), Manchester United (derrota) e Everton (empate).

A passagem do português pelo clube de Londres começou em 2019 -ele foi escolhido para suceder Mauricio Pochettino e tinha contrato até junho de 2023. Quatro membros da atual comissão técnica também foram dispensados.

"José e sua equipe técnica estiveram conosco em alguns de nossos momentos mais desafiadores como clube. José é um verdadeiro profissional que demonstrou enorme resiliência durante a pandemia. A nível pessoal, gostei de trabalhar com ele e lamentamos que as coisas não tenham corrido como esperávamos. Ele será sempre bem-vindo aqui e gostaríamos de agradecer a ele e à sua comissão técnica pela sua contribuição", disse o presidente do Tottenham, Daniel Levy, ao site do clube.

Em fevereiro deste ano, o site The Athletic repercutiu a questão financeira em torno de uma possível demissão de Mourinho.

O veículo afirmou que o contrato assinado em 2019 entre as partes não tinha multa rescisória. Isso faz com que o Tottenham tenha que pagar o salário integral do português até junho de 2023.

Atualmente, Mourinho recebe 17,5 milhões de euros (R$ 118 milhões) por temporada. Como tem contrato até junho de 2023, o português tem direito a 35 milhões de euros (R$ 236 milhões) pelas duas próximas temporadas -o clube não confirmou se foi feito um acordo.

Veja também

Após atraso, Governo publica lista do Bolsa Atleta com erros do início ao fim
Bolsa Atleta

Após atraso, Governo publica lista do Bolsa Atleta com erros do início ao fim

Hélio recebe apenas advertência e comandará Náutico na final
Futebol

Hélio recebe apenas advertência e comandará Náutico na final